• AALR3 R$ 20,13 -0.20
  • AAPL34 R$ 68,52 1.72
  • ABCB4 R$ 16,65 0.79
  • ABEV3 R$ 14,21 1.21
  • AERI3 R$ 3,75 5.04
  • AESB3 R$ 10,92 0.74
  • AGRO3 R$ 31,36 0.58
  • ALPA4 R$ 22,15 4.04
  • ALSO3 R$ 18,85 -0.79
  • ALUP11 R$ 26,51 -2.07
  • AMAR3 R$ 2,58 1.57
  • AMBP3 R$ 32,48 4.47
  • AMER3 R$ 21,50 -1.78
  • AMZO34 R$ 3,43 5.09
  • ANIM3 R$ 5,66 3.47
  • ARZZ3 R$ 81,38 2.42
  • ASAI3 R$ 16,30 3.69
  • AZUL4 R$ 20,95 4.38
  • B3SA3 R$ 12,43 4.37
  • BBAS3 R$ 37,45 -0.32
  • AALR3 R$ 20,13 -0.20
  • AAPL34 R$ 68,52 1.72
  • ABCB4 R$ 16,65 0.79
  • ABEV3 R$ 14,21 1.21
  • AERI3 R$ 3,75 5.04
  • AESB3 R$ 10,92 0.74
  • AGRO3 R$ 31,36 0.58
  • ALPA4 R$ 22,15 4.04
  • ALSO3 R$ 18,85 -0.79
  • ALUP11 R$ 26,51 -2.07
  • AMAR3 R$ 2,58 1.57
  • AMBP3 R$ 32,48 4.47
  • AMER3 R$ 21,50 -1.78
  • AMZO34 R$ 3,43 5.09
  • ANIM3 R$ 5,66 3.47
  • ARZZ3 R$ 81,38 2.42
  • ASAI3 R$ 16,30 3.69
  • AZUL4 R$ 20,95 4.38
  • B3SA3 R$ 12,43 4.37
  • BBAS3 R$ 37,45 -0.32
Abra sua conta no BTG

Japão aprova pacote de US$ 10,7 bi para estimular economia

A nova medida, anunciada um mês depois da aprovação de um primeiro pacote de US$ 5,2 bilhões, terá como objetivo a criação de empregos

	Notas de Iene: parte do valor anunciado pelo governo japonês será destinada ao financiamento das pequenas e médias empresas do país 
 (Yoshikazu Tsuno/AFP)
Notas de Iene: parte do valor anunciado pelo governo japonês será destinada ao financiamento das pequenas e médias empresas do país  (Yoshikazu Tsuno/AFP)
Por Da RedaçãoPublicado em 30/11/2012 05:26 | Última atualização em 30/11/2012 05:26Tempo de Leitura: 2 min de leitura

Tóquio - O Governo japonês aprovou nesta sexta-feira um novo pacote de estímulo econômico que totaliza 880 bilhões de ienes (cerca de US$ 10,7 bilhões), com o que pretende criar 80 mil novos empregos, indicaram fontes oficiais.

Essa nova medida, anunciada um mês depois da aprovação de um primeiro pacote de US$ 5,2 bilhões, terá como objetivo a criação de empregos e o suporte financeiro ao empresariado e à seguridade social.

Espera-se que o novo pacote, que não irá requerer nova emissão de dívida e será financiado com fundos de reserva incluídos no orçamento correspondente ao atual ano fiscal, ajude a criar até 80 mil novos empregos e aumente o PIB do país em 0,2%.

Parte desse montante será destinada ao financiamento das pequenas e médias empresas do país e a melhorias da infraestrutura destinada a reduzir o impacto de possíveis desastres naturais.

De acordo com a agência local "Kyodo", o Governo japonês já projeta um terceiro pacote de estímulo, que seria aprovado após as eleições gerais de 16 de dezembro.

A economia japonesa, afetada pela valorização do iene, a crise global e o tsunami de 2011, entre outros fatores, encolheu 3,5% no terceiro trimestre na comparação anualizada, pelo que um novo retrocesso entre outubro e dezembro a colocará em recessão técnica.