• AALR3 R$ 19,60 -1.01
  • AAPL34 R$ 74,36 1.72
  • ABCB4 R$ 16,43 1.36
  • ABEV3 R$ 14,53 0.35
  • AERI3 R$ 3,81 -1.04
  • AESB3 R$ 10,67 -1.11
  • AGRO3 R$ 32,37 2.76
  • ALPA4 R$ 21,90 -0.82
  • ALSO3 R$ 19,62 0.26
  • ALUP11 R$ 26,19 0.42
  • AMAR3 R$ 2,23 3.24
  • AMBP3 R$ 29,72 4.54
  • AMER3 R$ 23,04 1.63
  • AMZO34 R$ 72,52 3.90
  • ANIM3 R$ 5,38 7.60
  • ARZZ3 R$ 82,03 2.08
  • ASAI3 R$ 15,52 1.84
  • AZUL4 R$ 20,75 11.02
  • B3SA3 R$ 11,44 -3.87
  • BBAS3 R$ 35,10 -0.17
Abra sua conta no BTG

Tomar café pode ajudar a combater a obesidade, diz estudo

Bebida pode estimular a gordura marrom
Gordura corporal: café pode ser útil no combate a doenças, como obesidade (Thinkstock/Julia_Sudnitskaya)
Gordura corporal: café pode ser útil no combate a doenças, como obesidade (Thinkstock/Julia_Sudnitskaya)
Por Maria Eduarda CuryPublicado em 06/07/2019 08:59 | Última atualização em 10/12/2019 11:56Tempo de Leitura: 2 min de leitura

São Paulo - Uma xícara de café por dia pode auxiliar no combate à obesidade e diabetes. Cientistas da Universidade de Nottingham, Inglaterra, realizaram um estudo para encontrar componentes que estimulem a gordura marrom - que é capaz de queimar a gordura corporal produzida pelo organismo por meio da substância interleucina 10.

Os pesquisadores realizaram testes em humanos para descobrir quais elementos do corpo humano estimulam o tecido adiposo marrom a eliminar gorduras corporais com mais rapidez. O tecido adiposo - que tem como função principal manter o calor do corpo humano enquanto queima calorias - era inicialmente atribuído apenas a bebês e mamíferos. Nos últimos anos, a gordura marrom também foi descoberta em adultos.

O professor Michael Symonds, da Escola de Medicina da Universidade de Nottingham, um dos autores do estudo, relatou que o frio é um dos estimulantes do tecido adiposo marrom. "A gordura marrom funciona de maneira diferente de outras gorduras em seu corpo e produz calor queimando açúcar e gordura, muitas vezes em resposta ao frio", disse no estudo.

Para verificar se a cafeína é um dos estimulantes da gordura marrom, foi realizada uma série de estudos com células-tronco. Após descobrirem a dosagem certa para que a gordura marrom fosse estimulada, os testes começaram a ser feitos em seres humanos. A partir de uma técnica não invasiva de geração de imagens térmicas, a equipe conseguiu localizar onde havia uma maior concentração do tecido adiposo para avaliação.

A maior reserva de gordura marrom no corpo humano encontra-se na região do pescoço. Portanto, assim que alguém toma uma bebida, é possível observar se o tecido se torna mais quente ou não. Após a ingestão do café, os resultados foram positivos. No entanto, ainda é preciso verificar se é a própria cafeína que atua como estimulante ou se é outro ingrediente presente na bebida.

"Uma vez que tenhamos confirmado qual componente é responsável por isso, ele poderia ser usado como parte de um regime de controle de peso ou como parte do programa de regulação da glicose para ajudar a prevenir a diabetes", disse Symonds. Portanto, o assunto ainda não está encerrado e requer mais pesquisas para validar os indícios encontrados no estudo da Universidade de Nottingham.