Brasil

Pedro Scooby vai adotar cachorro que resgatou nas enchentes do RS: "conexão"

Surfista de 35 anos está no estado ajudando no resgate de vítimas afetadas pela tragédia e deve voltar ao Rio de Janeiro neste sábado

O novo animal de estimação do surfista Pedro Scooby recebeu o nome de “Eldorado” (Pedro Scooby/Instagram/Reprodução)

O novo animal de estimação do surfista Pedro Scooby recebeu o nome de “Eldorado” (Pedro Scooby/Instagram/Reprodução)

Estadão Conteúdo
Estadão Conteúdo

Agência de notícias

Publicado em 11 de maio de 2024 às 16h45.

Tudo sobreEnchentes no RS
Saiba mais

Pedro Scooby disse que planeja adotar um cachorro que resgatou em meio às enchentes no Rio Grande do Sul. O surfista de 35 anos está no estado desde a última segunda-feira, 6, ajudando no resgate de vítimas afetadas pela tragédia.

Ele revelou a decisão em uma sequência de stories na manhã deste sábado, 11. "Teve um cachorro que, no resgate, ele ficou no meu colinho no jetski. Eu ainda falei: ‘ah, ele me adotou’. Só que depois, quando ele foi para a triagem, eu acabei não encontrando mais ele", disse.

“Comecei a perguntar para todo mundo lá. ‘Galera, acha esse cachorro, por favor. Estou procurando ele’. Achamos! Estou indo lá buscá-lo, certeza que é ele. E ele vai comigo para o Rio de Janeiro”, afirmou Scooby.

O surfista explicou que ainda existe um processo para ser concluído e que, caso o tutor do cão apareça, ele precisará comprovar que é o dono. “Mas estou ‘amarradão’, porque tive realmente uma conexão muito ‘maneira’ com ele. O nome dele vai ser Eldorado”, afirmou.

Em seguida, Scooby gravou um vídeo do cachorro no veterinário e brincou: “Você vai virar playboy, cara!”. O surfista deve voltar ao Rio já neste sábado, 11. "Tem muita galera boa aqui na função. A gente vai estar em alerta, se precisar a gente volta. Mas eu espero, se eu não precisar voltar, é porque está ficando tudo bem. Estamos juntos."

Acompanhe tudo sobre:EnchentesEnchentes no RSCachorros

Mais de Brasil

Governo abre consulta pública para novo modelo de pedágio

Governo do RS promete investir R$ 86 milhões para fazer 750 casas para vítimas de enchentes

Pressionado por greve, Lula vai anunciar obras e aumento de verba para universidades federais

Mais na Exame