Brasil

MP denuncia cinco gestores da Refinaria de Manguinhos

Os denunciados são acusados de crime contra a ordem tributária, ao suprimir ou reduzir tributos por meio de declarações falsas ou inexatas


	Os cinco gestores teriam fraudado a receita estadual em quase R$ 65 milhões
 (Divulgação)

Os cinco gestores teriam fraudado a receita estadual em quase R$ 65 milhões (Divulgação)

DR

Da Redação

Publicado em 9 de junho de 2015 às 14h49.

Brasília - O Ministério Público do Rio de Janeiro (MP-RJ) denunciou cinco administradores da Refinaria de Petróleo de Manguinhos, que funciona na zona norte da cidade do Rio de Janeiro, por fraude tributária.

A Coordenadoria de Combate à Sonegação Fiscal do MP-RJ acusa Carlos Filipe Rizzo, Paulo Henrique Oliveira de Menezes, André Luiz Anton de Souza, Carlos Henrique Pedrosa Lopes e Maurício de Souza Mascolo, de fraudarem a receita estadual em quase R$ 65 milhões.

Segundo o MP-RJ, os gestores não registraram corretamente operações sobre as quais incidiria o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços (ICMS). Segundo o Ministério Público, os denunciados são acusados de crime contra a ordem tributária, ao suprimir ou reduzir tributos por meio de declarações falsas ou inexatas.

A pena varia de dois a cinco anos de prisão, além de multa. A Agência Brasil tentou – mas não conseguiu - entrar em contato com a Refinaria de Manguinhos

Acompanhe tudo sobre:FraudesGás e combustíveisMinistério PúblicoPetróleoRefit – Refinaria de Manguinhos

Mais de Brasil

Pessoa afetadas pelas chuvas no RS podem pedir suspensão de dívidas por 6 meses

Fiocruz envia testes de diagnóstico de leptospirose para o Rio Grande do Sul

Programa de habitação da cidade de SP tem licitação anulada e deve atrasar entregas de Nunes

Em meio à crise no RS, governo vai lançar novo sistema de alerta de desastres climáticos

Mais na Exame