Brasil

Lula promete começar a inaugurar obras públicas ainda este mês

Presidente afirmou que está conversando com ministros para acelerar entregas e que vai concluir algumas obras que começaram na gestão de Dilma Rousseff

Lula: presidente quer retomar obras paradas no governo Dilma (Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Lula: presidente quer retomar obras paradas no governo Dilma (Marcelo Camargo/Agência Brasil)

AO

Agência O Globo

Publicado em 13 de janeiro de 2023 às 07h51.

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou, nesta quinta-feira, que o governo vai construir e inaugurar moradias e obras que ficaram paradas na gestão da ex-presidente Dilma Rousseff. Lula disse ter conversado sobre o assunto em reuniões com os ministros das Cidades (Jader Filho), dos Transportes (Renan Filho) e do Desenvolvimento Regional (Waldez Góez).

Quer receber os fatos mais relevantes do Brasil e do mundo direto no seu e-mail toda manhã? Clique aqui e cadastre-se na newsletter gratuita EXAME Desperta.

"Se preparem, porque ainda este mês a gente vai ter muitas coisas para inaugurar nesse país. A gente vai ter muitas casas que começaram ainda no governo da Dilma. Das mesma forma, muitas obras de infraestrutura, também começadas nos governos do PT, vamos voltar a inaugurar", afirmou Lula.

Ao lado da primeira dama, Janja da Silva, e do ministro da Fazenda, Fernando Haddad, Lula estava na cerimônia de posse da nova presidente da Caixa Econômica Federal, Rita Serrano. Mais cedo, no Palácio do Planalto, o presidente participou do anúncio de medidas econômicas anunciadas pelo ministro da Fazenda, Fernando Haddad.

"Pensamos que os outros iriam fazer e não fizeram. Nós voltamos, e vamos inaugurar aquilo que nós começamos a fazer", anunciou o presidente.

Lula disse que está convencido que a Caixa Econômica vai voltar a crescer e gerar empregos. A instituição foi uma das grandes responsáveis pelo programa Minha Casa, Minha Vida, dos governos petistas.

LEIA TAMBÉM:

Acompanhe tudo sobre:Governo LulaLuiz Inácio Lula da SilvaObras públicas

Mais de Brasil

Violência financeira: crime de abuso contra idosos cresce e Justiça planeja criar vara exclusiva

Palestino detido no Aeroporto de Guarulhos será deportado para o Catar

Mato Grosso do Sul decreta estado de emergência por causa de incêndios no Pantanal

Prefeitura de Porto Alegre volta a fechar comportas do Guaíba para evitar que água entre na cidade

Mais na Exame