Brasil

Guarulhos é considerado o pior aeroporto do mundo em lista

O aeroporto ganhou o primeiro lugar do ranking por causa de vários fatores: desde as longas filas de espera até o preço salgado dos comes e bebes


	Aeroporto de Guarulhos, em São Paulo: segundo a Forbes, apenas 59% dos voos de Guarulhos chegam no horário
 (Mario Rodrigues/EXAME.com)

Aeroporto de Guarulhos, em São Paulo: segundo a Forbes, apenas 59% dos voos de Guarulhos chegam no horário (Mario Rodrigues/EXAME.com)

Mariana Fonseca

Mariana Fonseca

Publicado em 28 de abril de 2014 às 07h52.

São Paulo - Que os aeroportos do Brasil têm longas filas e voos que atrasam não é muita novidade. Mas um site chamado Wall St. Cheat Sheet foi além e colocou o Aeroporto de Guarulhos, um dos maiores do país, como o pior do mundo. 

Guarulhos ganhou esse "prêmio" por causa de vários fatores, como as longas filas, mudanças de terminais sem nenhum tipo de aviso e até mesmo o (alto) preço para comer e beber no aeroporto. 

Para o site, isso só piora com a falta de funcionários e o fato de que, de acordo com a Forbes, apenas 59% dos voos de Guarulhos chegam no horário.

A segunda colocação ficou com o Midway International Airport, de Chicago, principalmente pela falta de pontualidade nos voos.

A medalha de bronze ficou com o John F. Kennedy International Airport, de Nova York, entrando inclusive na lista dos aeroportos mais feios pela revista Travel+Leisure.

Outros aeroportos citados na lista são o N’Djamena International, no Chade; o Paris Beauvais Tille, na França; o London Heathrow, em Londres; o LaGuardia, em Nova York; o Ninoy Aquino International, em Manila (Filipinas); o Jomo Kenyatta International, em Nairóbi e, em décimo lugar, o Tribhuvan International, do Nepal.

Outro lado

A assessoria do Aeroporto Internacional de São Paulo-Guarulhos (GRU Airport) indica que as reportagens da CNN e da Forbes citadas na lista do Wall St. Cheat Sheet são de, respectivamente, 2008 e 2011. Seriam, portanto, informações anteriores à gestão da Concessionária do Aeroporto Internacional de Guarulhos, que assumiu a administração em fevereiro de 2013.

"Entendemos que ainda há muito a ser feito, principalmente nos antigos terminais – o TPS1 e o TPS2", diz a assessoria do aeroporto, que também informa que as obras do novo terminal de passageiros, o TPS3, estão dentro do cronograma e 83% concluídas.

"Temos certeza que a abertura do TPS3, em 11 de maio deste ano, trará um novo paradigma em infraestrutura aeroportuária, principalmente por conta das tecnologias que serão implantadas".

Segundo as previsões do GRU Airport, o novo terminal terá capacidade inicial para 12 milhões de passageiros por ano, 20 pontes de embarque e 34 novas posições no pátio de aeronaves.

Matéria atualizada às 16h28 do dia 15/01/2014 para incluir o posicionamento da assessoria do Aeroporto Internacional de São Paulo-Guarulhos (GRU Airport).

Mais de Brasil

Governo federal libera mais R$ 1,8 bilhão para ações de apoio ao RS

Prefeitura de Porto Alegre fecha comportas do Cais Mauá para barrar água do Guaíba

PT concorda com revisão de benefícios fiscais, mas critica Tarcísio por aumento para 2025

Onda de frio: temperatura terá queda brusca no Sul, Sudeste, Centro-Oeste e Norte a partir de sexta

Mais na Exame