Novo aplicativo da BlaBlaCar permite ajudar os vizinhos a fazer compras

A startup francesa quer usar a sua base de 90 milhões de usuários no mundo para ajudar as pessoas que não podem sair de casa na quarentena

Numa iniciativa para ajudar as pessoas que estão fazendo quarentena, a startup francesa BlaBlaCar lançou nesta quinta-feira, 16, um novo aplicativo que permite que pessoas vizinhas busquem a ajuda uma das outras para fazer compras.

Chamado de BlaBlaHelp, o novo aplicativo permite que os usuários se cadastrem e informem a outras pessoas nas redondezas que estão disponíveis para ajudar a fazer compra ou alguma outra tarefa fora de casa. O aplicativo então mostra em um mapa quais são os usuários voluntários disponíveis e permite entrar em contato com eles para combinar o que precisa ser comprado.

O aplicativo foi criado depois que a startup realizou um hackathon (uma maratona de programação) com os seus funcionários, para levantar possíveis ideias de como a empresa poderia ajudar neste momento da pandemia.

Uma das ideias que surgiram foi usar a grande base de usuários do BlaBlaCar, um aplicativo que permite oferecer caronas para viagens de longas distâncias, para oferecer ajuda também a quem não pode sair de casa para fazer compras. A partir daí o aplicativo foi desenvolvido em cerca de uma semana.

O presidente e um dos fundadores da BlaBlaCar, Nicolas Brusson, disse em entrevista exclusiva à EXAME que empresa construiu ao longo dos anos uma grande relação de confiança entre os usuários do seu aplicativo de caronas e que essa relação poderia ser uma vantagem na hora de lançar uma ferramenta para ajudar as pessoas a fazerem compras em meio a quarentena. “Qualquer empresa de tecnologia poderia ter criado um mapa ou um produto do tipo, mas poucos têm essa camada de confiança entre os usuários que nós construímos e isso é uma vantagem”, afirma Brusson.

De acordo com o executivo, já havia mais de 8.000 usuários cadastrados no novo aplicativo desde que ele foi lançado na manhã desta quinta na França e a tendência era de crescimento.

O objetivo principal é auxiliar as pessoas a encontrar um vizinho para fazer compras, mas o presidente da empresa não descarta a possibilidade de o aplicativo acabar virando um outro produto depois que a pandemia estiver controlada.

 (BlaBlaCar/Divulgação)

O aplicativo surgiu depois que a BlaBlaCar viu a demanda do seu aplicativo principal cair a quase zero em poucas semanas. Com a maior parte da Europa e da América Latina em quarentena, os usuários do aplicativo, obviamente, pararam de oferecer e buscar caronas no serviço. Com o BlaBlaHelp, a ideia é que os 90 milhões de usuários da plataforma no mundo possam continuar ajudando uns aos outros de alguma forma mesmo na quarentena.

Fundada em 2006 como um serviço para oferecer caronas pela internet, a BlaBlaCar é atualmente uma das maiores e mais importantes startups da França. A empresa é avaliada em mais de 1 bilhão de dólares.

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.