Jogar Xbox sem um Xbox: conheça o gadget da Microsoft que promete isso

Semelhante aos dongles do Chromecast e Fire Stick, da Amazon, o novo produto da Microsoft, mas ainda não lançado, quer tornar os jogos do Xbox acessíveis de qualquer tela
Xbox Series S: aos poucos, consoles físicos começam a não ser essenciais para jogar títulos de última geração (Phil Barker/Getty Images)
Xbox Series S: aos poucos, consoles físicos começam a não ser essenciais para jogar títulos de última geração (Phil Barker/Getty Images)
A
André Lopes

Publicado em 08/05/2022 às 17:03.

Última atualização em 09/05/2022 às 11:14.

A Microsoft não acha que o futuro da sua divisão de games seja apenas vendendo novas versões do console Xbox. A empresa tem demonstrado essa mudança de negócios ao investir pesado em uma loja de jogos que pode ser acessada de diferentes dispositivos, tudo por uma tecnologia de nuvem chamada xCloud, disponível pelo serviço de assinatura Game Pass.

Atualmente, acessível pelo console, computadores e smartphones, o próximo passo da gigante é lançar um dongle, semelhante ao Chromecast e Amazon Fire Stick, que permitirá acessar a biblioteca de games direto de televisores, necessitando somente que o usuário tenha um controle de conexão bluetooth em mãos, e a assinatura do serviço, claro. Em outra versão, que viria já embarcada de fábrica nas TVs, bastaria somente ter o aplicativo.

“Estamos trabalhando com fabricantes globais de TV para incorporar a experiência do Game Pass diretamente em TVs conectadas à Internet, então tudo que você precisa para jogar é um controle”, disse Liz Hamren, chefe de experiências e plataformas de jogos da Microsoft.

Contudo, a solução inovadora chamada de "Xbox Everywhere" e que deve dividir ainda mais as possibilidades no consumo de jogos, segue apenas como um plano. O projeto, anunciado em 2020, foi prometido para 2022, no entanto, poucas novidades sobre o andamento foram divulgadas.

Mas a espera não deve se alongar muito mais, considerando que a empresa segue investido em ampliar a seara de games, com aquisições ao nível da Activision Blizzard, a qual a tornou em uma das maiores empresas de jogos do mundo.

Mesmo que os jogos em nuvem ainda tenham muito a provar, se a ideia é permitir que apenas um controle baste para jogar Xbox, a Microsoft tem chances de ser a empresa que ditará o ritmo de inovação com qual o mercado de videogames terá que lidar em um futuro breve.

VEJA TAMBÉM:
Microsoft anuncia compra de Activision Blizzard, gigante de games

Veja Também

Os 5 melhores jogos para experimentar no fim de semana
Tecnologia
Há 2 dias • 1 min de leitura

Os 5 melhores jogos para experimentar no fim de semana

Os 5 melhores jogos para experimentar no fim de semana
Tecnologia
Há uma semana • 3 min de leitura

Os 5 melhores jogos para experimentar no fim de semana