A página inicial está de cara nova Experimentar close button

Apple lança AirPods Max, novo fone de ouvido sem fio, por R$ 6.899

Fone de ouvido tem funções similares às dos AirPods Pro, como cancelamento de ruído ativo e equalização adaptativa.

A Apple guardou um produto na manga para apresentar antes do final do ano. A empresa anunciou nesta terça-feira, 8, o lançamento dos AirPods Max, novo modelo de fone de ouvido fabricado pela empresa, agora com o formato over-ear — que ficam sobre as orelhas, não internamente no canal auricular.

O produto será lançado no Brasil por 6.899 reais. Nos Estados Unidos, os AirdPods Max foram anunciados por 550 dólares, com pré-venda imediata e disponibilidade a partir de 15 de dezembro.

"Os AirPods são os fones de ouvido mais populares no mundo, amados por sua configuração facilitada, qualidade de som incrível e design icônico. Com os AirPods Max, estamos trazendo a experiência mágica dos AirPods para um desenho over-ear, com alta fidelidade de áudio", disse Greg Joswiak, vice-presidente sênior de marketing da Apple.

Semelhante aos AirPods, o novo fone de ouvido da Apple também reconhece quando está sendo utilizado e pausa a música ou vídeo em exibição quando é retirado. O novo fone conta ainda tecnologias e funcionalidades que estavam disponíveis na versão Pro dos AirPods, como cancelamento de ruído ativo, equalização adaptativa e áudio espacial.

O cancelamento de ruído ativo utiliza microfones presentes no aparelho para entender a frequência de sons do ambiente e usar áudio computacional para emitir frequências paralelas e anular o ruído externo — assim como nos AirPods Pro, a função pode ser desativada, habilitando o que a Apple chama de "modo de transparência", que permite ouvir com maior clareza o ambiente ao redor.

Com equalização adaptativa, os AirPods Max prometem ajustar o som ao encaixe promovido pelas almofadas do novo fone de ouvido, além de ajustar as frequências médias e baixas em tempo real. Há também uma função de áudio espacial, que entende a posição da cabeça do usuário para entregar um áudio que faça jus ao que foi gravado (essa função permite assistir a filmes deitado, por exemplo, sem perder a sensação de imersão). O áudio espacial está disponível para conteúdos gravados em áudio 5.1, 7.1 e Dolby Atmos.

No novo modelo, a Apple garante uma bateria mais duradorou do que os AirPods tradicionais: 20 horas de uso contínuo, tempo de conversa, ou uso com cancelamento de ruído ativo. Os AirPods vinham ao mercado com 4 horas de duração contínua de bateria. Diferente dos modelos tradicionais, no entanto, a caixa em que os fones podem ser armazenados não tem função de recarga. O material de divulgação da empresa fala apenas em "estado de energia ultra-baixo que ajuda a manter a carga da bateria quando não está em uso".

A venda de periféricos e serviços tem se tornado um nicho interessante para a Apple como mercado. A divisão de acessórios, que conta com Apple Watch e fones de ouvido, também cresceu e passou de 5,5 bilhões de dólares em 2019 para 6,4 bilhões. Periféricos e serviços funcionam melhor nos equipamentos da empresa, e mantém estáveis as vendas smartphones e computadores.

 

 

 

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também