Acompanhe:
seloNegócios

Bilionário vice-presidente da Shein vira sócio de gestora brasileira EB Capital

A EB Capital, com sede em São Paulo, tem R$ 5 bilhões sob gestão

Modo escuro

Continua após a publicidade
Marcelo Claure: executivo, ex-Soft Bank, também é VP da Shein (Christopher Pike/Bloomberg)

Marcelo Claure: executivo, ex-Soft Bank, também é VP da Shein (Christopher Pike/Bloomberg)

Publicado em 11 de outubro de 2023 às, 13h25.

Última atualização em 11 de outubro de 2023 às, 15h56.

Poucos dias depois de ser anunciado como vice-presidente da chinesa Shein, o bilionário boliviano Marcelo Claure comprou uma participação “significativa” na gestora brasileira de private equity EB Capital. O executivo, ex-SoftBank, será sócio e vice-presidente do conselho da EB, grupo fundado por Pedro Parente, que ocupou a presidência de empresas como Petrobras e BRF, Luciana Antonini Ribeiro e Eduardo Sirotsky Melzer, da família dona do Grupo RBS.

"A chegada de Marcelo Claure representa um novo capítulo na história da EB Capital", diz Melzer. "Depois de uma profunda análise no mercado brasileiro, o fato de Claure ter se interessado pela nossa gestora valida muito o trabalho que temos feito. Sua trajetória como empresário, executivo de grandes empresas e investidor agregará muito ao projeto estratégico da EB Capital, à gestão do portfólio de nossas empresas atuais e futuras, além de contribuir para impulsionarmos novos negócios".

A EB Capital, com sede em São Paulo, tem R$ 5 bilhões sob gestão e um portfólio de empresas em setores que incluem saúde, educação, energia verde e telecomunicações. Claure e a EB Capital não quiseram revelar o tamanho da participação que ele está adquirindo ou quanto pagará. O investimento foi feito por meio do family office Grupo Claure, que tem US$ 4 bilhões sob gestão, segundo comunicado.

“O Brasil está emergindo como a potência de energia verde em todo o mundo”, diz Claure. “Então estou incrivelmente otimista. Meu próximo passo foi encontrar os parceiros certos. E encontrei na EB Capital o que gosto de chamar de uma plataforma emergente, que está em rápido crescimento e, mais importante, que partilha da mesma visão que tenho para o país.”

Entre as investidas da EB Capital estão:

  • Alloha Fibra, uma das principais provedoras independentes de fibra óptica do país
  • Proz, plataforma de educação profissional;
  • Loja do Mecânico, e-commerce de ferramentas e máquinas da América Latina

Com o movimento, a empresa abrirá um escritório em Nova York dentro do espaço comercial do Grupo Claure.

Empresário está com a agenda movimentada

Claure, 52, tem estado ocupado este ano. Ele lançou uma nova empresa de capital de risco com o ex-colega Shu Nyatta, chamada Bicycle Capital, e acaba de ser nomeado vice-presidente do grupo da empresa chinesa de fast fashion Shein. No mês passado, seu family office fez parceria com Eldridge e Brightstar Capital Partners para adquirir uma participação majoritária na mineradora australiana Ausenco. O executivo possui participações em times de futebol, incluindo o Bolívar, na Bolívia, sua terra natal, e o Girona, na Espanha.

“Na minha longa trajetória empresarial, poucas vezes encontrei um profissional com a dimensão do Marcelo Claure", afirma Pedro Parente. "Com muita ousadia e capacidade de execução, ele demonstrou ao longo dos anos sua grande competência. Tenho certeza de que ele irá estabelecer uma nova era para a nossa empresa”.

Quem é Marcelo Claure

Marcelo Claure é um empreendedor de tecnologia boliviano-americano, fundador e CEO do Grupo Claure, empresa de investimentos global multibilionária e que abrange setores como telecomunicações, tecnologia, mídia, mercado imobiliário, infraestrutura, transição energética, moda e esportes. O executivo também é o fundador da Brightstar, de serviços wireless da indústria de telecomunicações. Em 2014, Claure vendeu a Brightstar para o SoftBank e se tornou Presidente e CEO da Sprint, liderando a recuperação da companhia. Mais tarde, ele comandou a fusão de USD 195 bilhões entre a Sprint e a T-Mobile. Após a fusão da Sprint e da T-Mobile, Claure foi promovido a CEO do SoftBank Group International, onde realizava a supervisão direta de mais de 40 empresas no portfólio da companhia, incluindo ARM, Fortress, SoftBank Energy e Boston Dynamics.

(Com Bloomberg)

Créditos

Últimas Notícias

Ver mais
Além do macarrão: Spoleto aposta em franquia de pizza e cliente vai "criar seu prato"
seloNegócios

Além do macarrão: Spoleto aposta em franquia de pizza e cliente vai "criar seu prato"

Há 3 horas

Ricardo Bellino leva líderes empresariais ao mosteiro Zen para aprender nova abordagem de liderança
seloNegócios

Ricardo Bellino leva líderes empresariais ao mosteiro Zen para aprender nova abordagem de liderança

Há 6 horas

Faturamento das pequenas e médias empresas cresce 13,9% em janeiro
seloNegócios

Faturamento das pequenas e médias empresas cresce 13,9% em janeiro

Há 7 horas

Como abrir um negócio usando a inteligência artificial e ter mais chance de ser bem sucedido
seloNegócios

Como abrir um negócio usando a inteligência artificial e ter mais chance de ser bem sucedido

Há 7 horas

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais