Mundo

SIP pede esclarecimentos sobre assassinato de jornalistas brasileiros

Miami - A Sociedade Interamericana de Imprensa (SIP) pediu hoje que a Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH) faça pressão para que "a Justiça seja feita" nos casos dos assassinatos dos jornalistas brasileiros Nivanildo Barbosa Lima e Jorge Vieira da Costa. Uma carta dirigida a Santiago Cantón, secretário executivo da CIDH, e assinada por centenas […]

EXAME.com (EXAME.com)

EXAME.com (EXAME.com)

DR

Da Redação

Publicado em 25 de maio de 2010 às 14h08.

Miami - A Sociedade Interamericana de Imprensa (SIP) pediu hoje que a Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH) faça pressão para que "a Justiça seja feita" nos casos dos assassinatos dos jornalistas brasileiros Nivanildo Barbosa Lima e Jorge Vieira da Costa.

Uma carta dirigida a Santiago Cantón, secretário executivo da CIDH, e assinada por centenas de leitores de mais de 400 jornais da região, reitera o pedido feito pela SIP pelo fim da impunidade em torno dos assassinatos dos dois jornalistas, em 1995 e 2001 respectivamente.

"Nos permitimos chamar sua atenção sobre estas duas últimas investigações apresentadas à honorável comissão que o senhor dirige, confiando em que seu organismo influenciará o Brasil para que os culpados sejam punidos", acrescenta a carta.

A SIP desenvolve uma campanha pelo fim da impunidade na região, para que não fiquem sem punição os responsáveis por mais de 350 crimes contra jornalistas nos últimos 22 anos.

Quem quiser aderir à iniciativa pode assinar a carta no site http://www.impunidad.com.

Acompanhe tudo sobre:América LatinaDados de BrasilEstados Unidos (EUA)MídiaPaíses ricosServiços

Mais de Mundo

Qual o plano deste estado dos EUA para criar uma renda básica universal?

Milei diz que está reescrevendo parte da teoria econômica e mereceria um Nobel de Economia

Em crise na aviação civil, Boeing manda astronautas ao espaço, que ficam presos em estação espacial

Fundador do Wikileaks: relembre oito fatos sobre o processo de Assange

Mais na Exame