Mundo

Pela 1ª vez na história, EUA podem ter dois furacões ao mesmo tempo

As duas tempestades tropicais, Marco e Laura, chegam aos EUA na segunda-feira -- e podem virar furacões

Isaias: tempestade atingiu os EUA no começo do mês (afp/AFP)

Isaias: tempestade atingiu os EUA no começo do mês (afp/AFP)

EC

Estadão Conteúdo

Publicado em 23 de agosto de 2020 às 10h38.

Última atualização em 25 de agosto de 2020 às 14h50.

A tempestade tropical Marco está sobre o Golfo do México, e pode chegar à costa do estado americano da Louisiana como um furacão, no momento em que a tempestade Laura também atinge a América Central e, ainda, pode chegar à mesma região dos EUA como furacão.

Se isso ocorrer, seria a primeira vez em que dois furacões passam simultaneamente pelo Golfo do México, de acordo com registros que mostram a atividade na região desde 1900, diz o pesquisador Phil Klotzbach, da Universidade do Colorado.

De acordo com as projeções do Centro Nacional de Furacões dos EUA, o Marco pode chegar à costa da Louisiana perto do meio-dia de segunda-feira, enquanto o Laura pode tocar o solo na mesma região na terça-feira. Nos dois casos, porém, há um alto grau de incerteza dada a volatilidade das condições climáticas. Um alerta de furacão foi dado na região metropolitana de Nova Orleans, atingida pelo furacão Katrina em 2005.

Em países da América Central e do Caribe, porém, as tempestades já deixaram estragos. No Haiti, as autoridades de defesa civil afirmam ter recebido relatos da morte de uma criança de 10 anos na cidade de Anse-a-Pitres, na fronteira com a República Dominicana.

Acompanhe tudo sobre:Estados Unidos (EUA)Furacões

Mais de Mundo

Corrida nuclear: EUA concentram 80% dos gastos, e China tem arsenal 'pronto para uso' pela 1ª vez

'Milionários geriátricos': os EUA têm ricos cada vez mais velhos

Casa Branca rebate oposição e diz que imagens de Biden 'desorientado' são manipuladas

Brasil piora em ranking de competitividade e se aproxima de Venezuela e Argentina

Mais na Exame