Mundo

Gaza recebe vacinas dos Emirados Árabes, com auxílio de rival de presidente palestino

Autoridades de Saúde de Gaza informaram que vão começar a vacinação na segunda-feira

União Química: empresa brasileira vai fabricar Sputnik V. (Anadolu Agency/Getty Images)

União Química: empresa brasileira vai fabricar Sputnik V. (Anadolu Agency/Getty Images)

R

Reuters

Publicado em 21 de fevereiro de 2021 às 15h53.

Gaza recebeu 20 mil doses da vacina russa Sputnik V dos Emirados Árabes Unidos neste domingo, em uma medida garantida pelo rival do presidente palestino Mahmoud Abbas, Mohammad Dahlan, radicado no país do Golfo.

Autoridades de Saúde de Gaza informaram que vão começar a vacinação na segunda-feira, com prioridade para profissionais de Saúde e pessoas com doenças crônicas. Muitos pacientes foram contatados e solicitados por consentimento para tomar o imunizante.

O feito de Dahlan, que Abbas dispensou de seu partido Fatah há uma década e forçou ao exílio, foi visto por analistas como uma tentativa de marcar pontos antes de uma eleição palestina marcada para este ano.

"O envio é um oferecimento generoso dos irmãos Emirados Árabes Unidos", disse Dahlan, que há muito tempo é considerado um potencial sucessor de Abbas, no Facebook. "Prometemos ao nosso povo que vamos esgotar todos os esforços possíveis para garantir mais".

Gaza recebeu suas primeiras 2 mil doses da Sputnik V na quarta-feira, enviadas pelo governo de Abbas após Israel aprovar a transferência através de sua fronteira com o território, controlada pelos rivais do líder palestino, o islamista Hamas.

Acompanhe tudo sobre:Autoridade PalestinaFaixa de GazaSputnik V

Mais de Mundo

O medo da 'uberização' da prostituição em uma Paris olímpica

Biden promete "ir fundo" em investigação após demissão de diretora do Serviço Secreto

"Yes, we Kam" surge como lema da campanha de Kamala

Diretora do Serviço Secreto renuncia ao cargo depois de atentado contra Trump

Mais na Exame