Mundo

4 aviões fazem pouso de emergência no Chile e Peru por ameaça de bomba

Direção Geral de Aeronáutica Civil disse em comunicado que duas aeronaves envolvidas pertenciam à companhia Latam Airlines e outras duas à Sky Airlines

Aviões: três dessas aeronaves já foram inspecionadas, sem que nenhum dispositivo explosivo fosse encontrado a bordo (Ivan Alvarado/Reuters)

Aviões: três dessas aeronaves já foram inspecionadas, sem que nenhum dispositivo explosivo fosse encontrado a bordo (Ivan Alvarado/Reuters)

R

Reuters

Publicado em 16 de agosto de 2018 às 19h38.

Última atualização em 23 de outubro de 2019 às 17h12.

Santiago - Quatro aviões de passageiros realizaram pousos de emergência em aeroportos do Chile e do Peru nesta quinta-feira devido a ameaças de bomba, provocando protocolos de emergência, informou a autoridade aeronáutica chilena.

A Direção Geral de Aeronáutica Civil (DGAC) disse em comunicado que duas aeronaves envolvidas pertenciam à companhia Latam Airlines e outras duas à Sky Airlines.

A DGAC afirmou que três desses aviões já foram inspecionados, sem que nenhum dispositivo explosivo fosse encontrado a bordo, enquanto o quarto estava sendo analisado pela polícia chilena no aeroporto internacional de Santiago.

 

Acompanhe tudo sobre:AviõesChileLatamPeruSky Airline

Mais de Mundo

"Portugal deve pagar pela escravidão", diz presidente do país

Senado dos EUA aprova pacote de ajuda de US$ 95 bi para Ucrânia, Israel e Taiwan

Maduro anuncia reabertura de escritório de Direitos Humanos da ONU na Venezuela

Suprema Corte dos EUA analisa se Trump dispõe de imunidade presidencial

Mais na Exame