Acompanhe:
seloMercado imobiliário

Aluguel em São Paulo diminui pela primeira vez em 8 meses; veja preços por bairro

Preço médio do aluguel mensal fechou julho em R$ 3.410 para apartamentos de dois dormitórios em São Paulo; Zona Leste é a região mais barata da cidade

Modo escuro

Continua após a publicidade
São Paulo: entre os bairros da capital paulista, Cidade Tiradentes tem os preços mais baixos para comprar ou alugar imóveis (Leandro Fonseca/Exame)

São Paulo: entre os bairros da capital paulista, Cidade Tiradentes tem os preços mais baixos para comprar ou alugar imóveis (Leandro Fonseca/Exame)

T
Thais Cancian

Publicado em 26 de agosto de 2022 às, 09h15.

Em julho, na cidade de São Paulo, o preço médio do aluguel mensal fechou o mês em R$ 3.410 para os apartamentos de 65 m² com dois quartos, apresentando uma baixa de 0,3% em relação ao mês de junho. É o que mostra um relatório do Imovelweb divulgado nesta semana. 

Segundo o estudo, esta é a primeira baixa de valor depois de oito meses consecutivos de alta. No acumulado de 2022, os valores de aluguel totalizaram um incremento de 4,6% abaixo da inflação (5,8%) e muito abaixo do ajuste do IGP-M (8,4%).

Na análise por região, a zona oeste é a mais cara da cidade, com um aluguel médio mensal de R$ 3.906. A zona leste, por sua vez, é a mais barata, custando R$ 1.842 por mês.

Região

Valor do aluguel (R$)

Variação Mensal (%)

Variação Anual (%)

Leste

1.842

0,7

11,0

Noroeste

1.880

1,1

9,0

Nordeste

2.071

1,5

15,4

Sul

2.323

-0,4

-1,8

Sudeste

2.350

1,0

8,6

Centro

2.962

0,6

-5,3

Centro-Sul

3.604

0,9

-0,1

Oeste

3.906

-1,4

-2,2

Entre os bairros, Itaim Bibi tem o aluguel mais caro de São Paulo, com um preço médio mensal de R$ 4.752. Já Cidade Tiradentes é o bairro mais econômico para locar um imóvel, fechando julho com um valor médio de R$ 970 por mês.

Mais baratos (R$)

Variação Mensal (%)

Variação Anual (%)

Cidade Tiradentes

970

-1,7

-4,5

Jardim Helena

1.130

5,3

S/D

Itaim Paulista

1.430

0,9

-4,6

Mais caros (R$)

Variação Mensal (%)

Variação Anual (%)

Pinheiros

4.214

-1,2

3,7

Moema

4.367

1,7

3,2

Itaim Bibi

4.752

-2,8

-1,1

Os dados do relatório mensal de preços do Imovelweb, também chamado de Index, são gerados com base em todos os imóveis listados no portal (mais de 4 milhões), tanto para aluguel quanto para venda, atestando o preço médio das propriedades.

Assine a EXAME e fique por dentro das principais notícias que afetam o seu bolso. Tudo por menos de R$ 0,37/dia

Imóveis à venda: preços abaixo da inflação

O preço médio para a compra de um imóvel em São Paulo fechou o mês de julho em R$ 9.812 por m², 0,5% acima de junho. Em 2022, os preços acumulam uma alta de 2,6% abaixo da inflação. As novas unidades e as que estão em construção também registram maior aumento de preço neste ano: +5,8% e +4,5%, respectivamente.

Um apartamento paulista típico de 65 m², dois quartos e uma vaga tem um preço médio de R$ 619 mil. Já um apartamento de três quartos tem um valor médio de R$ 959 mil.

Entre os bairros da capital paulista, Pinheiros é o mais caro para se adquirir uma propriedade, com um valor médio de R$ 14.815 por m², enquanto Cidade Tiradentes é o bairro mais barato na hora da compra, com um preço médio de R$ 2.710 por m².

Mais baratos (R$/m²)

Variação Mensal (%)

Variação Anual (%)

Cidade Tiradentes

2.710

0,3

0,8

Lajeado

3.853

0,0

0,4

José Bonifácio

4.110

0,9

1,7

Mais caros (R$/m²)

Variação Mensal (%)

Variação Anual (%)

Moema

14.144

0,0

5,0

Itaim Bibi

14.790

0,5

6,1

Pinheiros

14.815

0,6

3,3

Rentabilidade: quanto tempo é necessário para reembolsar a compra de um imóvel?

O índice de rentabilidade imobiliária relaciona o preço de venda e o valor de locação de um imóvel para verificar o tempo necessário para recuperar o dinheiro utilizado na aquisição do imóvel. Em julho, o relatório do Imovelweb registrou um índice de 5,54% bruto anual em São Paulo, o que significa que são necessários 18 anos de aluguel para reembolsar o investimento de compra na cidade, 2,6% a menos que um ano atrás.

Entre as regiões da cidade de São Paulo, as zonas leste e sul são as que oferecem maior retorno para os investidores: acima de 6% anual.

Região

Rentabilidade (%)

Nordeste

5,4

Centro-Sul

5,5

Oeste

5,5

Sudeste

5,6

Centro

5,6

Noroeste

5,7

Sul

6,2

Leste

6,4

Esteja sempre informado sobre as notícias que movem o mercado. Assine a EXAME por menos de R$ 11/mês

Últimas Notícias

Ver mais
Startup lança plataforma para tokenizar imóveis em 100 cidades do Brasil
Future of Money

Startup lança plataforma para tokenizar imóveis em 100 cidades do Brasil

Há 12 horas

Governo anuncia hoje 112 mil moradias pelo Minha Casa, Minha Vida
Brasil

Governo anuncia hoje 112 mil moradias pelo Minha Casa, Minha Vida

Há 2 dias

Caução: entenda tudo sobre essa modalidade de garantia em contratos de aluguel
seloMercado imobiliário

Caução: entenda tudo sobre essa modalidade de garantia em contratos de aluguel

Há 2 dias

Itaim Bibi: vale a pena morar? Tudo sobre o bairro com um dos melhores IDHs de São Paulo
seloMercado imobiliário

Itaim Bibi: vale a pena morar? Tudo sobre o bairro com um dos melhores IDHs de São Paulo

Há 3 dias

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais