Acompanhe:

Youse vai lançar seguro de carro mais barato, por quilômetro rodado

Previsão da plataforma da Caixa Seguradora é lançar o novo produto em julho. Testes começam na próxima semana

Modo escuro

Continua após a publicidade
Produto é alternativa para economizar em tempos de isolamento social que visa combater o novo coronavírus (Youse/Divulgação)

Produto é alternativa para economizar em tempos de isolamento social que visa combater o novo coronavírus (Youse/Divulgação)

M
Marília Almeida

Publicado em 25 de maio de 2020 às, 15h23.

Última atualização em 29 de maio de 2020 às, 02h04.

A Youse irá lançar nas próximas semanas, em formato teste, uma nova modalidade de seguro para carros, o “Auto por KM”. A ideia é que ela seja disponibilizada para o público geral em julho. É o que conta a plataforma de venda de seguro online da Caixa Seguradora à EXAME.

O novo produto funciona aos moldes de “Pay As You Drive”, um formato ainda inovador no mercado de seguros no Brasil que consiste na ideia de que o cliente pague por uma mensalidade mínima fixa somada a quilometragem percorrida. Inicialmente, o valor a ser pago pela quilometragem será calculado com base no rastreador.

A expectativa é que o "Auto por KM" custe no mínimo 20% menos do que um seguro de carro completo, considerando um motorista que percorra cerca de 10 quilômetros por dia. Quanto menos o carro rodar, maior será o desconto. "Depois de tipo de automóvel, perfil do motorista e personalização de serviços que podem ser incluídos na proteção, vamos oferecer uma quarta variável de preço, que é a quantidade de quilômetro rodado", explica Camila Rodrigues, especialista de produtos na Youse.

Apesar de a insurtech dizer que nem a base de preço e nem a data do lançamento mudou por conta da pandemia, o serviço pode atrair mais clientes em um cenário em que as pessoas estão saindo menos de carro por conta do isolamento social provocado pelo novo coronavírus.

A insurtech testa a possibilidade de clientes poderem utilizar as informações do próprio hodômetro do veículo como fonte de cálculo para a quilometragem, sem custo adicional. A opção de utilizar informações do hodômetro exige lançamento de informações mais manual, enquanto um rastreador automatiza todo o processo. "É uma possibilidade para tornar o produto mais acessível quando abrirmos para o público geral", explica Camila.

Fase de testes

Nas próximas duas semanas será iniciado o período de testes do novo seguro. Cerca de 200 clientes em etapa de renovação do seguro e ex-clientes que já possuam rastreadores serão convidados pela Youse para experimentar o produto, diz Camila. “Durante essa etapa, não vamos exigir nenhum esforço do cliente para que ele precise comprar algum dispositivo, por exemplo”.

Durante a fase de testes, a versão beta do produto vai oferecer ao cliente a opção de recontratar exatamente as coberturas e assistências que ele já tem possui por um preço mais acessível. “De acordo com o que o cliente já tem contratado, ou queira acrescentar, o Auto por KM pode contemplar um seguro completo com roubo e furto, assistência guincho, mas também colisão com perda parcial e total, alagamentos, incêndios, danos a terceiros etc., de acordo com o que o cliente já possui”, diz Camila.

EXAME Research — 30 dias grátis da melhor análise de investimentos

O usuário terá autonomia para cancelar o serviço a qualquer momento, pelo próprio aplicativo da insurtech. A primeira fase de testes deve ser concluída após um um mês. Na sequência, em uma segunda etapa, os clientes poderão utilizar as informações do próprio hodômetro do veículo como fonte de cálculo para a quilometragem, sem custo adicional.

Outras proteções

Outra insurtech, a Thinkseg, em parceria com a seguradora Generali, oferece um seguro "pague pelo uso" desde o ano passado. O serviço também funciona com o pagamento de uma assinatura mensal (o equivalente a 40-50% do valor de um seguro) adicionada a alguns centavos por quilômetro rodado.

Segundo a Thinkseg, na pandemia a demanda pelo produto cresceu de 15 a 20% a cada mês, mesmo diante da queda de cerca de 50% da procura de proteções para o carro no google. A insurtech aponta que o seguro é pensado para quem dirige pouco e bem. Para oferecer a personalização, os dados do motorista são analisados por inteligência artificial por meio de um aplicativo. A assinatura começa a partir de R$ 25 por mês.

Últimas Notícias

Ver mais
Calendário abono salarial PIS/Pasep 2024 é divulgado; veja datas de pagamento
seloMinhas Finanças

Calendário abono salarial PIS/Pasep 2024 é divulgado; veja datas de pagamento

Há um dia

PIS 2024: quem trabalhou em 2023 tem direito ao abono salarial este ano?
seloMinhas Finanças

PIS 2024: quem trabalhou em 2023 tem direito ao abono salarial este ano?

Há um dia

Caixa vê cenário complexo para captação em 2025 e quer buscar novas fontes
seloMercado imobiliário

Caixa vê cenário complexo para captação em 2025 e quer buscar novas fontes

Há 2 dias

Crédito puxa BB, Caixa e Itaú, e lucro dos 5 maiores bancos vai a R$ 107,5 bi em 2023
seloMercados

Crédito puxa BB, Caixa e Itaú, e lucro dos 5 maiores bancos vai a R$ 107,5 bi em 2023

Há 2 dias

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais