Acompanhe:

GM anuncia recall em 1.795 veículos Chevrolet Sonic

Motivo da inspeção é a eventual necessidade de substituição do tanque de combustível, diz Secretaria Nacional do Consumidor do Ministério da Justiça


	Sonic: caso haja contato com chama externa, vazamento pode gerar princípio de incêndio
 (Divulgação)

Sonic: caso haja contato com chama externa, vazamento pode gerar princípio de incêndio (Divulgação)

A
Aline Leal

10 de outubro de 2014, 18h37

Brasília - A General Motors do Brasil anunciou hoje (10) o recall em 1.795 veículos Chevrolet Sonic 2014.

Conforme a Secretaria Nacional do Consumidor do Ministério da Justiça (Senacon), o motivo da inspeção é a eventual necessidade de substituição do tanque de combustível, por haver risco de vazamento.

Na campanha de recall, a empresa informou que “pode haver resíduos (impurezas) nas paredes dos tanques de combustível e que esses resíduos, quando presentes nas paredes dos tanques, por não se fundirem adequada e perfeitamente com o corpo do tanque, podem, ao longo do tempo, se segregar, formando um orifício no local, o que possibilita vazamento de combustível.

Caso haja contato com chama externa, o vazamento pode gerar um princípio de incêndio, com riscos de danos materiais e queimaduras aos ocupantes e a terceiros”.

Os veículos que deverão ser inspecionados têm numeração de chassi, não sequencial, compreendida entre o intervalo ES534865 a ES574923. Eles foram fabricados entre 9 de setembro e 15 de novembro de 2013.

Segundo a Senacon, o Código de Defesa do Consumidor determina que o fornecedor repare ou troque o produto defeituoso a qualquer momento e de forma gratuita.

Em caso de dificuldades, a recomendação é procurar um dos órgãos de proteção e defesa do consumidor.

Mais informações podem ser obtidas junto à empresa, por meio do telefone 0800 702 4200 ou pelo site http://www.chevrolet.com.br.

Detalhes sobre a campanha de chamamento também estão disponíveis no site do Ministério da Justiça.