Minhas Finanças

Caixa paralisa novos financiamentos para faixa do Minha Casa Minha Vida

A faixa 1,5 do MCMV é destinada a famílias com renda mensal de até 2,6 mil reais, com taxa de juros de cerca de 5% ao ano

Agência da Caixa (Pilar Olivares/Reuters)

Agência da Caixa (Pilar Olivares/Reuters)

Anderson Figo

Anderson Figo

Publicado em 13 de novembro de 2018 às 15h34.

Última atualização em 13 de novembro de 2018 às 16h43.

São Paulo — A Caixa confirmou em nota que paralisou a aprovação de novos financiamentos para a faixa 1,5 do programa "Minha Casa, Minha Vida". Segundo o banco, o orçamento disponibilizado em 2018 para essa faixa do MCMV foi utilizado em sua totalidade.

"Por esta razão, o banco informa que novas contratações pelo programa serão realizadas a partir do início de 2019", destacou a Caixa em nota. O orçamento total do programa "Minha Casa, Minha Vida" para este ano foi de 57,4 bilhões de reais e, até o momento, foram contratadas cerca de 4,7 milhões de unidades habitacionais.

A faixa 1,5 do MCMV é destinada a famílias com renda mensal de até 2,6 mil reais, com taxa de juros de cerca de 5% ao ano. Uma taxa menor do que essa dentro do programa —que chega a zero— só existe na faixa 1, para famílias com renda mensal de até 1,8 mil reais.

Pró-cotista

Além da faixa 1,5 do MCMV, a Caixa já havia anunciado mais cedo neste ano, em agosto, a paralisação das aprovações de financiamento de imóveis da linha pró-cotista. Essa é a linha que utiliza recursos do FGTS, para imóveis usados.

Segundo banco estatal, a suspensão deveu-se ao fim do orçamento disponibilizado para a linha, que é a mais barata do mercado. A modalidade pró-cotista para imóveis novos continua funcionando normalmente.

O Banco do Brasil já havia suspendido a linha pró-cotista para imóveis usados em maio. Já o Santander passou a oferecer a linha pró-cotista recentemente, e é o único banco privado, por ora, a fazer isso.

A instituição não divulgou detalhes sobre as condições do crédito, mas o site EXAME apurou que, assim como no BB e na Caixa, ele só está disponível para imóveis novos que sejam financiados pelo próprio banco.

Acompanhe tudo sobre:CaixaDinheirofinanciamento-de-imoveisImóveisMinha Casa Minha Vida

Mais de Minhas Finanças

Receita libera consulta ao segundo lote do IR 2024; veja se você recebe

Mega-Sena acumulada: quanto rendem R$ 60 milhões na poupança

Mega-Sena sorteia nesta quinta-feira prêmio acumulado em R$ 60 milhões

‘Independência financeira liberta’: Women in Finance discute gestão patrimonial para mulheres

Mais na Exame