Acompanhe:

Petrobras sobe após aprovação de capitalização pelo Senado

Papéis reagem a provação do projeto de lei para uma das maiores ofertas já realizas no Brasil

Modo escuro

Continua após a publicidade
Papéis da empresa refletiram aprovação na abertura do pregão desta quinta-feira, e a expectativa é de valorização durante todo o dia (.)

Papéis da empresa refletiram aprovação na abertura do pregão desta quinta-feira, e a expectativa é de valorização durante todo o dia (.)

M
Mirela Portugal

Publicado em 10 de junho de 2010 às, 14h32.

São Paulo - As ações da  Petrobras (PETR3) (PETR4)  abriram em alta nesta manhã, após a aprovação pelo Senado, na madrugada desta quinta-feira (10), do projeto de lei para a capitalização da petrolífera, por 44 votos a favor, 6 votos contrários e 5 abstenções. As ações preferenciais da estatal, as mais negociadas da bolsa brasileira, avançavam 1,79% após uma hora de abertura da BM&FBovespa. As ordinárias tinham valorização de 1,7% no mesmo horário.

A oferta, que é prevista para o início de julho, é um dos pontos altos do calendário dos investidores em 2010, e prevê o aumento de capital da empresa por meio da cessão de direitos de exploração de até 5 bilhões de barris de petróleo em áreas não licitadas do pré-sal.  A expectativa é que a capitalização alcance até 50 bilhões de dólares, mas o valor ainda pode variar, uma vez que a estatal pediu aos acionistas autorização para emitir até 150 bilhões de reais em ações.

Como trata-se de umas maiores ofertas já realizadas em todo o mundo, a expectativa dos mercados se volta para a condução dos termos e o detalhamento do processo pelo governo. Já é quase consenso dos especialistas, porém, a atratividade do preço das ações, classificadas como baratas pelos analistas. O primeiro passo para a definição será dado no dia 22 de junho, quando uma assembleia extraordinária irá aprovar o volume financeiro final a ser incorporado.

Outro ponto de destaque é a definição de quanto os investidores que já detêm papéis da empresa terão de capitalizar para não serem diluídos - serão necessários por volta de 30% a mais de suas atuais posições para manter a proporção da estrutura acionária, diz relatório divulgado pela corretora Socopa hoje e assinado pelo analista Osmar Camilo.

A aprovação ajudou a esquentar o Ibovespa, que opera em terreno positivo, com alta de 1,93% por volta das 11 horas, reagindo ao fechamento em queda 0,57% na tarde de ontem.

Leia mais sobre Petrobras e sobre bolsas.
 

Últimas Notícias

Ver mais
Ibovespa volta aos 130 mil pontos com ajuda da Vale
seloMercados

Ibovespa volta aos 130 mil pontos com ajuda da Vale

Há 3 horas

Dólar turismo: moeda americana está à R$ 5 para quem vai viajar; veja como economizar
seloMercados

Dólar turismo: moeda americana está à R$ 5 para quem vai viajar; veja como economizar

Há 3 horas

Buffett, Bezos e Gates: as ações mais negociadas por bilionários no momento
seloMercados

Buffett, Bezos e Gates: as ações mais negociadas por bilionários no momento

Há 4 horas

Dólar hoje: abre em queda após divulgação da ata da última reunião do Federal Reserve (Fed)
seloMercados

Dólar hoje: abre em queda após divulgação da ata da última reunião do Federal Reserve (Fed)

Há 4 horas

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais