Mercados

Petrobras: prazo para reservar ações via FGTS encerra hoje

Acionistas que desejam participar da oferta prioritária também só têm esta quinta-feira

As pessoas físicas, que não desejam participar da oferta prioritária, têm até o dia 22 de setembro para reservar os papéis (.)

As pessoas físicas, que não desejam participar da oferta prioritária, têm até o dia 22 de setembro para reservar os papéis (.)

DR

Da Redação

Publicado em 15 de setembro de 2010 às 23h55.

São Paulo - O investidor que deseja participar da megaoferta de ações da Petrobras (PETR3); (PETR4) com o FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) precisa correr. Hoje é o último dia para utilizar até 30% dos recursos do Fundo na capitalização da estatal. Somente quem comprou ações da Petrobras em 2000 com o FGTS nos Fundos Mútuos de Privatização (FMP) e manteve esses papéis em carteira ao menos até 30 de junho de 2010 poderá utilizar agora parte do que possui depositado no fundo para comprar mais ações.

Para os que já são acionistas da estatal e participam da oferta prioritária (com 80% do total de ações oferecidas), o prazo também termina nesta quinta-feira. Para exercer seu direito na oferta prioritária, os investidores devem ter adquirido ações ordinárias ou preferenciais da petrolífera de modo que no dia 10 ainda detinham esses papéis em custódia. A posição será verificada novamente no dia 17 e, caso o número de ações seja alterado, o pedido de reserva sofrerá alteração proporcional à variação de posição em custódia.

As pessoas físicas, que não desejam participar da oferta prioritária, têm até o dia 22 de setembro para realizar a sua reserva. Esta será também a última chance para a adesão dos Fundos de Investimentos em Ações (FIA) da Petrobras O bookbuilding ou coleta de intenções de investimento, que baterá o martelo no preço por ação da oferta, está programado para o dia 23 de setembro. Segundo cronograma, o início das negociações na BM&FBovespa será no dia 27 de setembro.

Vale a pena comprar com o FGTS

Leia mais sobre a capitalização da Petrobras

Siga as últimas notícias de Mercados no Twitter

Acompanhe tudo sobre:Açõesbolsas-de-valoresCapitalização da PetrobrasEmpresasEmpresas abertasEmpresas brasileirasEmpresas estataisEstatais brasileirasGás e combustíveisIndústria do petróleoPetrobrasPetróleo

Mais de Mercados

B3 suspende negociação da Petrobras (PETR4) após divulgação de nova diretoria

Inflação baixou, mas Fed ficou mais conservador: o que aconteceu?

Petrobras (PETR4) paga dividendos extraordinários e regulares na próxima semana

"O corte de juros acabou e Copom unânime deve favorecer o câmbio", diz Ettore Marchetti, da EQI

Mais na Exame