Mercados

Conselho da Ser aprova oferta de ações para captar até R$ 445 mi

Segundo comunicado, serão ofertadas 17.429.152 ações ordinárias, e o preço será fixado após a coleta de intenções de investimento

Ser Educacional: oferta permitirá à empresa levantar o equivalente a 444,79 milhões de reais (Getty Images/Getty Images)

Ser Educacional: oferta permitirá à empresa levantar o equivalente a 444,79 milhões de reais (Getty Images/Getty Images)

R

Reuters

Publicado em 15 de maio de 2017 às 08h57.

Última atualização em 15 de maio de 2017 às 09h02.

São Paulo - O conselho de administração da Ser Educacional aprovou em reunião realizada em 12 de maio a realização de uma oferta pública de distribuição primária, com esforços restritos de colocação, por meio da qual poderá levantar aproximadamente 445 milhões de reais.

Serão ofertadas 17.429.152 ações ordinárias, informou a empresa em comunicado ao mercado. O preço por ação será fixado após a conclusão do procedimento de coleta de intenções de investimento (bookbuilding), que se iniciará na terça-feira e se encerrará em 24 de maio.

Com base no valor de fechamento de sexta-feira, de 25,52 reais por ação, a oferta permitirá à Ser Educacional levantar o equivalente a 444,79 milhões de reais.

Conforme o documento, os recursos provenientes da operação serão usados para financiar a expansão de seu negócio, por meio de aquisições, investimentos em crescimento orgânico, incluindo os pólos de ensino à distância (EAD) e os presenciais.

Acompanhe tudo sobre:AçõesEmpresasIPOsMercado financeiroSer Educacional

Mais de Mercados

B3 suspende negociação da Petrobras (PETR4) após divulgação de nova diretoria

Inflação baixou, mas Fed ficou mais conservador: o que aconteceu?

Petrobras (PETR4) paga dividendos extraordinários e regulares na próxima semana

"O corte de juros acabou e Copom unânime deve favorecer o câmbio", diz Ettore Marchetti, da EQI

Mais na Exame