Acompanhe:

Bolsa perde R$ 290 bilhões em valor de mercado em um dia

Montante é superior ao do Itaú Unibanco ou dq Vale; índice Ibovespa caiu 7% nesta quarta, maior retração diária desde o "Joesley Day"

Modo escuro

Continua após a publicidade
Bolsa: Temor global com avanço de coronavírus fez mercados despencarem (Cris Faga/Getty Images)

Bolsa: Temor global com avanço de coronavírus fez mercados despencarem (Cris Faga/Getty Images)

D
Da Redação

Publicado em 26 de fevereiro de 2020 às, 19h27.

Última atualização em 26 de fevereiro de 2020 às, 23h51.

São Paulo - A B3, a Bolsa de Valores brasileira, perdeu o equivalente a um Itaú Unibanco ou a mais que uma Vale em valor de mercado, em apenas um dia, nesta quarta-feira (26).

O valor de mercado de todas as empresas listadas na B3, somadas, caiu de 4,576 trilhões de reais no último pregão (sexta-feira, 21), para 4,286 trilhões ao fim da sessão desta quarta-feira (26).

É uma redução de 290 bilhões de reais. O total é superior ao valor inteiro de algumas das maiores empresas da Bolsa, caso do Itaú Unibanco (288 bilhões de reais), da Vale (232 bilhões de reais) e do Bradesco (230 bilhões de reais). Os cálculos foram feitos pela consultoria Economatica.

Por conta do Carnaval, a Bolsa brasileira ficou fechada tanto na segunda-feira (24) quanto na terça (25), reabrindo às 13h desta quarta. Nesses dois dias, as bolsas americanas e europeias despencaram, em um movimento repetido pelas ações brasileiras na volta do recesso.

"As quedas em todo o mundo são reflexo da perspectiva de arrefecimento da economia com a diminuição do consumo", diz Bruno di Giácomo, fundador da gestora e assessora de investimentos Blackbird.

O Ibovespa, principal índice acionário da B3, encerrou o dia em queda de 7%, voltando à faixa dos 105 mil pontos. Foi a maior retração desde o “Joesley Day”, 18 maio de 2017. Naquele data, o vazamento de uma conversa gravada de Joesley Batista, um dos donos da processadora de alimentos JBS, com o então presidente Michel Temer fez a Bolsa brasileira recuar 8,8% em um só dia.

Diversas empresas tiveram quedas superiores a 10% hoje. As relacionadas ao setor turístico e ao mercado chinês lideraram as quedas: a companhia aéreal Gol caiu 13,4%, a concorrente Azul perdeu 13,3%, e a operadora de viagens CVC, 11,3%. As siderúrgicas Metalúrgica Gerdau e CSN recuaram 11,9% e 10,9%, respectivamente.

Algumas das ações mais negociadas e de maior peso na Bolsa também tiveram baixas significativas: a petroleira Petrobras (PETR4) caiu 10,1% e a mineradora Vale teve retração de 9,5%, enquanto os papéis do Itaú Unibanco recuaram 4,99%.

Em termos absolutos, a Petrobras foi a companhia com a maior queda em valor de mercado no dia, com perda de 39,3 bilhões de reais, para 353,6 bilhões de reais no total.

Veja abaixo as empresas que mais perderam valor de mercado, em termos absolutos, nesta quarta-feira, de acordo com a Economatica:

 

EmpresaValor de mercado em 21 de fevereiroValor de mercado em 26 de fevereiroQuanto perdeu em valor de mercado
PetrobrasR$ 392,83 bilhõesR$ 353,57 bilhõesR$ 39,26 bilhões
ValeR$ 257,08 bilhõesR$ 232,56 bilhõesR$ 24,51 bilhões
BradescoR$ 245,68 bilhõesR$ 230,17 bilhõesR$ 15,50 bilhões
Itaú UnibancoR$ 302,12 bilhõesR$ 288,42 bilhõesR$ 13,70 bilhões
Banco do BrasilR$ 140,32 bilhõesR$ 128,94 bilhõesR$ 11,37 bilhões
SantanderR$ 153,41 bilhõesR$ 143,42 bilhõesR$ 9,99 bilhões
B3R$ 106,48 bilhõesR$ 98,07 bilhõesR$ 8,38 bilhões
AmbevR$ 255,61 bilhõesR$ 248,85 bilhõesR$ 6,76 bilhões
JBSR$ 69,23 bilhõesR$ 62,65 bilhõesR$ 6,58 bilhões
WegR$ 104,45 bilhõesR$ 98,22 bilhõesR$ 6,23 bilhões
Magazine LuizaR$ 91,48 bilhõesR$ 85,69 bilhõesR$ 5,78 bilhões
EletrobrasR$ 51,49 bilhõesR$ 46,94 bilhõesR$ 4,54 bilhões
Telefônica VivoR$ 93,57 bilhõesR$ 89,23 bilhõesR$ 4,34 bilhões
SuzanoR$ 55,85 bilhõesR$ 52,08 bilhõesR$ 3,85 bilhões
IntermédicaR$ 41,71 bilhõesR$ 37,99 bilhõesR$ 3,72 bilhões
B2WR$ 38,07 bilhõesR$ 34,36 bilhõesR$ 3,70 bilhões
Lojas AmericanasR$ 44,44 bilhõesR$ 41,03 bilhõesR$ 3,40 bilhões
BTG PactualR$ 79,34 bilhõesR$ 75,98 bilhõesR$ 3,36 bilhões
GerdauR$ 31,07 bilhõesR$ 27,85 bilhõesR$ 3,22 bilhões
CCRR$ 36,66 bilhõesR$ 33,59 bilhõesR$ 3,07 bilhões

 

Últimas Notícias

Ver mais
Ibovespa hoje: bolsa abre com leve alta com ajuda de Vale (VALE3)
seloMercados

Ibovespa hoje: bolsa abre com leve alta com ajuda de Vale (VALE3)

Há 4 horas

Brasil sofre duas vezes com a alta do petróleo, diz Alexandre Silverio, CEO da Tenax Capital
seloMercados

Brasil sofre duas vezes com a alta do petróleo, diz Alexandre Silverio, CEO da Tenax Capital

Há 22 horas

Itaú vê espaço para consolidação no setor de saúde e aponta quem irá liderar de M&As
seloMercados

Itaú vê espaço para consolidação no setor de saúde e aponta quem irá liderar de M&As

Há 22 horas

Ibovespa fecha em queda pelo 5º dia e aprofunda pior patamar do ano; dólar sobe a R$ 5,27
seloMercados

Ibovespa fecha em queda pelo 5º dia e aprofunda pior patamar do ano; dólar sobe a R$ 5,27

Há um dia

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais