Mercados

Bolsa de Londres atinge máxima de três meses com Sodexo

As ações europeias atingiram máxima de três meses nesta quinta-feira


	Sodexo: as ações da Sodexo subiam 9,2 por cento após a companhia francesa dizer que vai cortar mais custos
 (Divulgação)

Sodexo: as ações da Sodexo subiam 9,2 por cento após a companhia francesa dizer que vai cortar mais custos (Divulgação)

DR

Da Redação

Publicado em 19 de novembro de 2015 às 08h57.

As ações europeias atingiram máxima de três meses nesta quinta-feira, impulsionadas pela Sodexo após dados sólidos e pelos fortes ganhos entre as ações de mineradoras.

Às 8h13 (horário de Brasília), o índice das principais ações europeias FTSEurofirst 300 tinha alta de 1,11 por cento, a 1.512 pontos, enquanto o índice de blue chips da zona do euro Euro Stoxx 50 subia 1,16 por cento para 3.471 pontos.

Os mercados acompanharam os ganhos na Ásia e nos Estados Unidos, onde o humor era ajudado por indicações do Federal Reserve, banco central norte-americano, de que a economia do país está forte o suficiente para lidar com a alta dos juros.

As ações da Sodexo subiam 9,2 por cento após a companhia francesa dizer que vai cortar mais custos para lidar com uma economia global volátil e prever receitas e lucro operacional mais altos para o ano fiscal 2015-16.

As ações de mineradoras estavam entre os setores com maiores ganhos, com alta de 2,56 por cento, com a BHP Billiton liderando após dizer que sua prioridade é manter um balanço saudável.

Acompanhe tudo sobre:Açõesbolsas-de-valoresEmpresasMineradorasSodexo

Mais de Mercados

Berkshire Hathaway, de Warren Buffett, vende 1 milhão de ações da BYD

TIM (TIMS3) e Telefônica Brasil (VIVT3) pagam juros sobre capital próprio; veja valor por ação

Ibovespa fecha em queda após Focus aumentar as incertezas no mercado

Reunião de Lula com Conselho Orçamentário, Boletim Focus e China: o que move o mercado

Mais na Exame