Acompanhe:

BCE compra mais 10 bi de euros em dívida pública

Frankfurt - O Banco Central Europeu (BCE) comprou mais 10 bilhões de euros em dívida pública e fará amanhã um leilão para retirar liquidez do mercado com o objetivo de neutralizar os efeitos da operação e evitar a alta da inflação. O BCE informou hoje que quer retirar até 26,5 bilhões de euros do mercado […]

Modo escuro

Continua após a publicidade
EXAME.com (EXAME.com)

EXAME.com (EXAME.com)

D
Da Redação

Publicado em 24 de maio de 2010 às, 13h47.

Frankfurt - O Banco Central Europeu (BCE) comprou mais 10 bilhões de euros em dívida pública e fará amanhã um leilão para retirar liquidez do mercado com o objetivo de neutralizar os efeitos da operação e evitar a alta da inflação.

O BCE informou hoje que quer retirar até 26,5 bilhões de euros do mercado durante sete dias e oferecerá aos bancos comerciais da zona do euro um máximo de 1% pela liquidez.

Na semana passada, o banco retirou 16,5 bilhões de euros para neutralizar os bônus adquiridos entre 10 e 14 de maio. Por isso, na semana passada, pôde comprar mais 10 bilhões de euros.

O BCE retirou os 16,5 bilhões de euros com taxa de juros marginal de 0,29%, em uma operação na qual 233 bancos ofereceram 162,74 bilhões de euros com uma taxa mínima de 0,25% e uma máxima de 1%.

O presidente do BCE, Jean-Claude Trichet, defendeu novamente a compra de dívida pública, frente a críticas de que poderia criar pressões inflacionárias a longo prazo.

Além disso, o presidente do BCE ressaltou que o principal objetivo da entidade é evitar a inflação.

A Alemanha é um dos países que expressaram mais preocupação por um possível aumento da inflação, derivado da compra de dívida pública e privada que será feita pelo BCE para combater as tensões nos mercados pelo endividamento de alguns países da zona do euro.

Últimas Notícias

Ver mais
Após mortes em Gaza, UE descongela € 50 milhões em fundos para agência da ONU
Mundo

Após mortes em Gaza, UE descongela € 50 milhões em fundos para agência da ONU

Há 18 horas

Inflação na zona do euro segue em baixa em fevereiro, a 2,6%
Economia

Inflação na zona do euro segue em baixa em fevereiro, a 2,6%

Há 23 horas

Europa tem pior temporada de balanços desde a pandemia
seloMercados

Europa tem pior temporada de balanços desde a pandemia

Há um dia

Transição energética e guerra viram pedra no sapato das siderúrgicas da Europa
ESG

Transição energética e guerra viram pedra no sapato das siderúrgicas da Europa

Há um dia

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais