Acompanhe:

Pix: integração com lista de contatos do celular é disponibilizada pelo BC

Novidade passa a valer a partir de hoje no Pix, mas a responsabilidade de implementação é das instituições financeiras

Modo escuro

Continua após a publicidade
 (Marcello Casal Jr/Agência Brasil)

(Marcello Casal Jr/Agência Brasil)

L
Lucas Josa

Publicado em 1 de abril de 2021 às, 06h00.

Esta reportagem faz parte da newsletter EXAME Desperta. Assine gratuitamente e receba todas as manhãs um resumo dos assuntos que serão notícia. 

Depois de anunciar uma série de novas funções para o Pix, o Banco Central (BC) confirmou o lançamento de uma das mais aguardadas para esta quinta-feira, 1o. A partir de hoje, usuários do sistema de pagamentos instantâneos poderão integrar suas listas de contatos à ferramenta, o que pode facilitar sua utilização.

Em uma resolução publicada no Diário Oficial da União, o Banco Central registrou a atualização, que tem como objetivo principal simplificar os pagamentos dentro da ferramenta. Agora, caso o recebedor tenha cadastrado seu celular ou e-mail como uma de suas chaves Pix, basta o pagador selecioná-lo em sua lista de contatos do celular para realizar a transferência.

A disponibilização da nova função para os usuários é de responsabilidade das instituições financeiras. Como o compartilhamento com os contatos será feito de forma automática, o BC exige que as empresas que forem oferecer a opção devem notificar seus clientes, para que os usuários estejam a par do novo recurso e tenham a opção de excluir ou alterar sua chave Pix caso não queiram que ela seja compartilhada com quem tem seu contato registrado.

O novo sistema de pagamentos instantâneos desenvolvido pelo Banco Central tem crescido e evoluído muito desde o início do ano. No último mês, foram mais de 275 milhões de transações realizadas na plataforma e, por conta disso, o BC tem desenvolvido novas funcionalidades para que o Pix atenda à demanda com cada vez mais eficiência.

Outra novidade do Pix visa atingir usuários que mudaram seu nome ou alteraram o nome fantasia de sua empresa recentemente.  O sistema de pagamentos oferecerá, também a partir de hoje, a possibilidade de alteração do nome exibido no sistema, sem a necessidade de exclusão das chaves Pix já registradas. A medida tem como objetivo tornar a experiência de uso ainda mais fluida, fazendo com que esse tipo de alteração não se torne um entrave para os usuários que precisam atualizar seus dados.

Além disso, a atualização no regulamento do Pix em relação ao limite de transações também passa a vigorar a partir desta quinta-feira. A atualização estabelece que as instituições participantes do sistema não poderão estabelecer um limite no número de transações que podem ser enviadas ou recebidas pelo usuário final. Para o BC, a medida é necessária para garantir condições competitivas justas para diferentes instituições.

No curso Decifrando as Criptomoedas" da EXAME Academy, Nicholas Sacchi, head de criptoativos da EXAME, mergulha no universo de criptoativos, com o objetivo de desmistificar e trazer clareza sobre o funcionamento. Confira.

 

Últimas Notícias

Ver mais
PagBank vê origem integrada como vantagem contra absorção de maquininhas por bancos
seloMercados

PagBank vê origem integrada como vantagem contra absorção de maquininhas por bancos

Há 10 horas

Crédito puxa BB, Caixa e Itaú, e lucro dos 5 maiores bancos vai a R$ 107,5 bi em 2023
seloMercados

Crédito puxa BB, Caixa e Itaú, e lucro dos 5 maiores bancos vai a R$ 107,5 bi em 2023

Há um dia

Calendário abono salarial PIS/Pasep 2024 é divulgado; veja datas de pagamento
seloMinhas Finanças

Calendário abono salarial PIS/Pasep 2024 é divulgado; veja datas de pagamento

Há 2 dias

Picchetti: Brasil está sendo encarado como exemplo na inclusão financeira
Economia

Picchetti: Brasil está sendo encarado como exemplo na inclusão financeira

Há 3 dias

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais