Acompanhe:

3º mais rico do México defende bitcoin e Banco Azteca aceitará criptomoeda

Bilionário Ricardo Salinas, que diz ter 10% de seu portfólio em bitcoin, afirma que banco trabalha para integrar criptomoeda e "seguir promovendo a liberdade"

Modo escuro

Continua após a publicidade
Ricardo Salinas Pliego, presidente do Grupo Salinas e terceira pessoa mais rica do México  (AFP/Getty Images)

Ricardo Salinas Pliego, presidente do Grupo Salinas e terceira pessoa mais rica do México (AFP/Getty Images)

G
Gabriel Rubinsteinn

Publicado em 28 de junho de 2021 às, 17h44.

Última atualização em 28 de junho de 2021 às, 18h14.

O bilionário Ricardo Salinas Pliego, terceira pessoa mais rica do México, voltou a falar positivamente sobre o bitcoin no domingo, 28, e anunciou que o Banco Azteca, fundado por ele em 2002, pretende começar a aceitar a criptomoeda.

Presidente do Grupo Salinas, que controla empresas de telecomunicações, varejo e até um canal de TV, Ricardo Salinas Pliego deu entrevista a um canal no YouTube recentemente, no qual disse acreditar que o bitcoin é "um ativo com características extraordinárias", que fazem da criptomoeda o "ouro do mundo moderno".

O empresário também afirmou que os governos não gostam do bitcoin porque, com a criptomoeda, as pessoas podem parar de usar a "armadilha fiduciária" que são as moedas nacionais, que ele considera uma fraude. "O dólar como moeda é uma piada", disse.

O vídeo foi publicado nas redes sociais por uma série de entusiastas do bitcoin, como Anthony Pompliano e Michael Saylor, CEO da MicroStrategy. O último postou o vídeo acompanhado da mensagem: "Se você tem a esperança de proteger o seu patrimônio por gerações, Ricardo Salinas sugere que você invista em bitcoin. A estratégia é simples: escolha o ativo de mais qualidade que encontrar e segure".

Salinas, então, respondeu à publicação de Saylor, no Twitter, e comentou: "Eu recomendo o uso de bitcoin, e meu banco trabalha para se tornar o primeiro banco do México a aceitar bitcoin". Depois, ele enviou uma segunda resposta: "Bitcoin é o novo ouro, mas muito mais portátil, transportar bitcoin é muito mais fácil do que levar barras de ouro nos bolsos... e eu sei que vou ser atacado pelos amantes do ouro".

O mexicano ainda fez uma terceira publicação sobre o assunto, desta vez ressaltando o uso do bitcoin como forma de diversificar a carteira e reforçando os planos do banco Azteca: "Bitcoin é uma boa forma de diversificar seu portfólio de investimentos e acredito que qualquer investidor deveria estudar sobre as criptomoedas e o seu futuro. No Banco Azteca estamos trabalhando para trazê-las aos nossos clientes e seguir promovendo a liberdade".

Junto com o texto, publicou também uma imagem mostrando o aumento do preço de um copo de café desde 1990, que dizia "A inflação é uma morte silenciosa. O dólar rouba sileciosamente o seu poder aquisitivo desde 1913. Compre bitcoin!"

O interesse de Ricardo Salinas Pliego pelo bitcoin não é novidade. Em novembro, ele já tinha falado sobre o assunto e afirmado que investiria 10% de seu patrimônio de 15,8 bilhões de dólares (78 bilhões de reais) na criptomoeda.

Últimas Notícias

Ver mais
Telegram adiciona pagamentos por criptomoeda direto do aplicativo
Tecnologia

Telegram adiciona pagamentos por criptomoeda direto do aplicativo

Há 17 horas

7 regras de ouro para enfrentar incertezas no mercado de criptomoedas
Future of Money

7 regras de ouro para enfrentar incertezas no mercado de criptomoedas

Há 21 horas

Chegou a hora: halving do bitcoin ocorre nesta sexta; saiba o detalhes
Future of Money

Chegou a hora: halving do bitcoin ocorre nesta sexta; saiba o detalhes

Há um dia

JPMorgan diz que preço do bitcoin está “sobrecomprado” provavelmente vai cair após o halving
Future of Money

JPMorgan diz que preço do bitcoin está “sobrecomprado” provavelmente vai cair após o halving

Há um dia

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais