Economia

Japão: PMI composto (preliminar) sobe a 52,6 em abril, apontam S&P Global e Jibun Bank

Em nota, a S&P Global destaca que o avanço do setor de serviços foi o mais forte em um mês desde maio de 2023

PMI: setor de serviços no Japão está aquecido (iStock/Getty Images)

PMI: setor de serviços no Japão está aquecido (iStock/Getty Images)

Estadão Conteúdo
Estadão Conteúdo

Agência de notícias

Publicado em 23 de abril de 2024 às 09h00.

O índice de gerentes de compras (PMI, na sigla em inglês) composto do Japão subiu de 51,7 em março para 52,6 em abril, segundo pesquisa preliminar da S&P Global em parceria com o Jibun Bank publicada nesta segunda-feira, 22.

O PMI industrial, por sua vez, teve alta de 46,4 para 48,1 no mesmo período, ainda em território de contração. O PMI de serviços foi ampliado de 54,1 para 54,6 na mesma comparação.

Em nota, a S&P Global destaca que o avanço do setor de serviços foi o mais forte em um mês desde maio de 2023, com forte ampliação de empregos no país. A agência indica também que continua vendo pressão sobre os preços no Japão, indicando uma aceleração inflacionária.

Acompanhe tudo sobre:JapãoPMI – Purchasing Managers’ Index

Mais de Economia

Copom: em decisão unânime, BC mantém Selic em 10,5% e põe fim ao ciclo de cortes

Margem Equatorial: Magda Chambriard defende exploração com 'rigorosos padrões de segurança'

Governo e estados acertam criação de fundo em projeto sobre dívida dos estados

Lula quer que Petrobras tenha gestão 'com respeito à sociedade brasileira', diz Magda Chambriard

Mais na Exame