Exame logo 55 anos
Remy Sharp
Acompanhe:

Dados do Caged sugerem 1,4 mi de novas vagas este ano

A redução na estimativa foi apresentada pelo ministro do Trabalho e Emprego, Manoel Dias, ao comentar os dados de junho do Caged

Modo escuro


	A última estimativa era de 1,7 milhão de novas vagas. "Os fatos mudam. Hoje, diante dos fatos que estão ocorrendo, a nossa previsão seria de máximo 1,4 milhão, o que é um bom número", disse Dias
 (Daniela de Lamare)

A última estimativa era de 1,7 milhão de novas vagas. "Os fatos mudam. Hoje, diante dos fatos que estão ocorrendo, a nossa previsão seria de máximo 1,4 milhão, o que é um bom número", disse Dias (Daniela de Lamare)

R
Renata Veríssimo

Publicado em 23 de julho de 2013, 16h03.

Brasília - Os dados atuais do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados sugerem um saldo líquido de empregos formais de no máximo 1,4 milhão este ano.

A redução na estimativa foi apresentada pelo ministro do Trabalho e Emprego, Manoel Dias, ao comentar os dados de junho do Caged, divulgados na tarde desta terça-feira, 23.

A última estimativa era de 1,7 milhão de novas vagas. "Os fatos mudam. Hoje, diante dos fatos que estão ocorrendo, a nossa previsão seria de máximo 1,4 milhão, o que é um bom número."

O ministro relutou em divulgar um novo número. Ele disse, primeiro, que não faria mais estimativas. "Não vamos fazer mais previsões. Não vou gerar falsa expectativa como ministro do Trabalho. Não posso aqui me expor a isso. Porque amanhã vocês vão me cobrar isso", disse a jornalistas.

Ao mencionar um novo número, ele explicou que a expectativa de 1,7 milhão de vagas foi elaborada no fim do ano passado, com a realidade daquele momento.

"Hoje, de acordo com o número que temos, é prudente que a gente faça uma previsão o mais real possível, que é de 1,4 milhão", justificou.

Últimas Notícias

ver mais
Cade suspende processo de cartel na Petrobras após decisão judicial do TRF-1
Economia

Cade suspende processo de cartel na Petrobras após decisão judicial do TRF-1

Há 4 horas
Preço da gasolina subiu até 5,48% nos postos após ajuste do ICMS, aponta Ticket Log
Economia

Preço da gasolina subiu até 5,48% nos postos após ajuste do ICMS, aponta Ticket Log

Há 8 horas
IPCA recua e fecha em 0,23% em maio; inflação está em seu menor patamar desde 2020
Economia

IPCA recua e fecha em 0,23% em maio; inflação está em seu menor patamar desde 2020

Há 12 horas
OCDE eleva previsão do PIB do Brasil em 2023 e 2024, com impulso do agronegócio
Economia

OCDE eleva previsão do PIB do Brasil em 2023 e 2024, com impulso do agronegócio

Há 13 horas
icon

Branded contents

ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

leia mais