Acompanhe:

CNJ arquiva reclamação de Daniel Dantas contra juiz da Satiagraha

Conselho decidiu por unanimidade que Fausto De Sanctis não merece punição por sua atuação no caso

Modo escuro

Continua após a publicidade
O então juiz Fausto de Sanctis decretou duas vezes a prisão de Daniel Dantas durante a operação (Andrew Bardwell/Wikimedia Commons)

O então juiz Fausto de Sanctis decretou duas vezes a prisão de Daniel Dantas durante a operação (Andrew Bardwell/Wikimedia Commons)

D
Débora Zampier

Publicado em 7 de junho de 2011 às, 16h22.

Brasília – O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) decidiu hoje (7), por unanimidade, que não cabe punição ao desembargador Fausto De Sanctis, do Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF3). O processo contra o magistrado foi aberto a partir de ações ajuizadas pelo banqueiro Daniel Dantas, do Banco Opportunity. Ele alegou que De Sanctis teria agido de forma indevida na condução dos desdobramentos da Operação Satiagraha, da Polícia Federal, no qual Dantas era um dos investigados.

A defesa de Dantas apresentou duas reclamações ao CNJ. Elas chegaram ao Conselho depois que o TRF3 decidiu, em 2009, que De Sanctis não deveria ser punido. A primeira acusação afirmava que De Sanctis, então juiz da 6ª Vara Federal Criminal de São Paulo, teria se negado a oferecer informações sigilosas sobre a Operação Satiagraha, quando ocorreu a primeira prisão do banqueiro. O argumento não foi aceito pelo CNJ.

A segunda acusação afirmava que De Sanctis havia desrespeitado o Supremo Tribunal Federal (STF) ao decretar a segunda prisão de Dantas, alegando fatos novos. Na ocasião, o banqueiro tinha obtido um habeas corpus do então presidente do STF, Gilmar Mendes. Ao dar o segundo habeas para Dantas, Mendes considerou o ato do juiz uma insubordinação ao STF..

A relatora do caso, conselheira Morgana Richa, entendeu que em tese poderia haver uma conduta ilícita do magistrado na segunda prisão, mas defendeu que o CNJ não abra procedimento para investigar o ato, já que a punição máxima para esse tipo de caso é a censura..Como De Sanctis agora é desembargador, essa pena já não pode ser aplicada. Ele foi promovido ao cargo em janeiro deste ano.

Últimas Notícias

Ver mais
Seleção do júri de julgamento de Trump entra na fase final
Mundo

Seleção do júri de julgamento de Trump entra na fase final

Há 2 dias

Vicky Safra: conheça mais sobre a primeira mulher a ocupar a lista de bilionários do Brasil
seloGuia de Investimentos

Vicky Safra: conheça mais sobre a primeira mulher a ocupar a lista de bilionários do Brasil

Há 2 dias

Governo tenta barrar PEC que aumenta ganhos de juízes e promotores
Brasil

Governo tenta barrar PEC que aumenta ganhos de juízes e promotores

Há 3 dias

PEC que aumenta salários de juízes avança no Senado e tem ampliação
Brasil

PEC que aumenta salários de juízes avança no Senado e tem ampliação

Há 3 dias

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais