• AALR3 R$ 20,20 -0.49
  • AAPL34 R$ 66,78 -0.79
  • ABCB4 R$ 16,69 -3.75
  • ABEV3 R$ 13,98 -1.13
  • AERI3 R$ 3,67 -0.81
  • AESB3 R$ 10,70 0.00
  • AGRO3 R$ 30,74 -0.32
  • ALPA4 R$ 20,46 -1.35
  • ALSO3 R$ 18,92 -0.94
  • ALUP11 R$ 26,83 0.86
  • AMAR3 R$ 2,41 -1.23
  • AMBP3 R$ 29,84 -2.29
  • AMER3 R$ 23,45 1.56
  • AMZO34 R$ 66,86 -0.09
  • ANIM3 R$ 5,36 -2.72
  • ARZZ3 R$ 81,01 -0.23
  • ASAI3 R$ 15,95 3.24
  • AZUL4 R$ 20,93 -1.46
  • B3SA3 R$ 12,13 2.71
  • BBAS3 R$ 37,15 4.06
  • AALR3 R$ 20,20 -0.49
  • AAPL34 R$ 66,78 -0.79
  • ABCB4 R$ 16,69 -3.75
  • ABEV3 R$ 13,98 -1.13
  • AERI3 R$ 3,67 -0.81
  • AESB3 R$ 10,70 0.00
  • AGRO3 R$ 30,74 -0.32
  • ALPA4 R$ 20,46 -1.35
  • ALSO3 R$ 18,92 -0.94
  • ALUP11 R$ 26,83 0.86
  • AMAR3 R$ 2,41 -1.23
  • AMBP3 R$ 29,84 -2.29
  • AMER3 R$ 23,45 1.56
  • AMZO34 R$ 66,86 -0.09
  • ANIM3 R$ 5,36 -2.72
  • ARZZ3 R$ 81,01 -0.23
  • ASAI3 R$ 15,95 3.24
  • AZUL4 R$ 20,93 -1.46
  • B3SA3 R$ 12,13 2.71
  • BBAS3 R$ 37,15 4.06
Abra sua conta no BTG

CBDC chinesa será mais competitiva que dólar digital, afirma Ray Dalio

Fundador da Bridgewater Associates acredita que o iuane digital terá um potencial maior que da versão digital do dólar, principalmente por causa dos crescentes níveis da dívida americana
 (Getty Images/NurPhoto)
(Getty Images/NurPhoto)
Por Lucas JosaPublicado em 31/05/2021 18:45 | Última atualização em 31/05/2021 19:09Tempo de Leitura: 3 min de leitura

Ray Dalio, lendário investidor de Wall Street e fundador da Bridgewater Associates, fundo hedge que possui mais de 730 bilhões de reais sob custódia, afirmou neste domingo, 30, que a CBDC chinesa, mais conhecida como iuane digital, será mais competitiva que o dólar digital.

Durante entrevista ao canal de TV americano CNBC, Ray Dalio ressaltou sua posição acerca do dólar digital, salientando que com certeza, os Estados Unidos irão emitir uma CBDC que não será a mais competitiva devido aos impactos dos crescentes níveis da dívida americana.

Para o investidor, levando em conta os fundamentos por trás da concepção do iuane digital e a atual situação econômica da China, em termos de precificação e rendimento, a CBDC chinesa poderá se tornar mais competitiva e, até mesmo, atrativa, principalmente se for aceita internacionalmente e tiver taxas de juro atrativas, que podem torná-la uma “alternativa bem viável”, pontuou Dalio.

“Acredito que iremos entrar em um mundo no qual as pessoas estarão pensando em quais moedas [aplicar] e as que tiverem os melhores aspectos fundamentalistas serão aquelas que serão mais competitivas e isso será uma ameaça aos países”, explicou

Além disso, Ray Dalio deixou claro que o iuane poderá se tornar a principal moeda de reserva, substituindo o dólar, partindo da premissa que, no futuro, mais negociações e transações financeiras utilizarão o iuane como padrão, o que fará com que a participação da moeda no comércio internacional aumente exponencialmente.

“Acho que você verá o renminbi (iuane) se tornar uma moeda mais significante, forte, estável e com rendimentos atrativos e mais amplamente utilizada nos próximos anos... Acho que, gradualmente, acontecerá mais rápido do que muitas pessoas provavelmente esperam... Muito disso tem a ver não apenas com o que a China faz. Tem a ver com o que dólar faz.”

Por fim, comparando a moeda digital chinesa ao bitcoin, o fundador da Bridgewater Associates disse que o iuane digital pode sim oferecer uma competição ao bitcoin, porém, salientou que “nada nunca domina algo completamente”, deixando claro que, apesar da CBDC chinesa oferecer uma alternativa competitiva ao bitcoin, a moeda não irá dominar o mercado.