Acompanhe:
seloCarreira

Google quer equipe no escritório apesar de produtividade em casa

Uma pesquisa interna na unidade da Alphabet também mostrou que os funcionários desejam mais “colaboração e conexões sociais” no trabalho, de acordo com Brian Welle, vice-presidente de recursos humanos

Modo escuro

Continua após a publicidade
MOUNTAIN VIEW, CA - MAY 4:  Google's headquarters in Mountain View, California is shown in this photo on May 4, 2004.  Google Inc., the world's No. 1 Web search provider, filed with U.S. regulators on April 29, 2004 to become a publicly listed company and sell as much as $2.7 billion in stock in a widely expected initial public offering.  (Photo by David Paul Morris/Getty Images) (David Paul Morris / Correspondente/Getty Images)

MOUNTAIN VIEW, CA - MAY 4: Google's headquarters in Mountain View, California is shown in this photo on May 4, 2004. Google Inc., the world's No. 1 Web search provider, filed with U.S. regulators on April 29, 2004 to become a publicly listed company and sell as much as $2.7 billion in stock in a widely expected initial public offering. (Photo by David Paul Morris/Getty Images) (David Paul Morris / Correspondente/Getty Images)

B
Bloomberg

Publicado em 16 de julho de 2021 às, 12h20.

Engenheiros de software do Google revelaram algo em uma pesquisa recente que surpreendeu os chefes: eles se sentem tão produtivos trabalhando em casa quanto antes da pandemia.

O mundo está mais complexo, mas dá para começar com o básico. Veja como, no Manual do Investidor 

Uma pesquisa interna na unidade da Alphabet também mostrou que os funcionários desejam mais “colaboração e conexões sociais” no trabalho, de acordo com Brian Welle, vice-presidente de recursos humanos. Welle não quis fornecer números exatos, mas disse que “mais de 75%” dos empregados pesquisados responderam dessa forma. A maioria também especificamente prefere a proximidade física ao trabalhar em novos projetos.

“Há algo sobre o trabalho inovador, quando você precisa dessa faísca”, disse Welle em entrevista. “Nossos funcionários acham que esses momentos acontecem melhor quando estão juntos.”

Em parte, é por isso que, apesar do aumento da produtividade, a gigante da tecnologia mantém o plano de trazer a maioria dos funcionários de volta aos escritórios no quarto trimestre. Enquanto o Google decide quais funcionários continuarão trabalhando em tempo integral em casa e quem precisará ir ao escritório, alguns se sentem cada vez mais frustrados com a falta de uma direção clara e com a prática irregular da política da empresa.

Os painéis de mensagens internos piscaram este mês quando um executivo sênior do Google anunciou que iria trabalhar da Nova Zelândia. Enquanto isso, a maioria dos funcionários de nível inferior ainda não sabe se pode mudar ou se deve retornar ao escritório.

A transição do Google de volta à vida no escritório é observada de perto. A gigante de buscas praticamente inventou o luxuoso campus do Vale do Silício, com muita comida grátis, lugares para cochilar e outras vantagens.

O Google tem economizado cerca de um US$ 1 bilhão por ano em despesas graças ao trabalho remoto, mas a empresa investiu muito mais em expansões imobiliárias recentes como em San José, na Califórnia, e na cidade de Nova York. E até mesmo o Google pode ter que lidar com funcionários que não desejam abrir mão do conforto ou dos benefícios econômicos do trabalho remoto.

Trabalhadores em muitos setores decidiram deixar o emprego para não abrir mão do trabalho virtual. Embora algumas empresas de tecnologia tenham funcionado com operações 100% remotas durante a pandemia, outras que não o fizeram, como a Apple, também enfrentaram resistência das equipes para retornar ao escritório.

Uma nova indústria surgiu em torno do trabalho remoto à medida que cidades menores tentavam atrair profissionais de tecnologia com altos salários. “O Google e a Apple têm alguns dos melhores escritórios”, disse Evan Hock, cofundador do MakeMyMove.com, um diretório online para trabalho remoto. “Se estão enfrentando isso, é seguro presumir que todos os outros também estarão.”

Últimas Notícias

Ver mais
Quer trabalhar de qualquer lugar do mundo? Veja as vagas home office disponíveis nesta semana
seloCarreira

Veja as vagas home office disponíveis nesta semana

Há 7 horas

Concurso Caixa: após 10 anos, haverá vagas para ampla concorrência; veja como se preparar
seloCarreira

Concurso Caixa: após 10 anos, haverá vagas para ampla concorrência; veja como se preparar

Há um dia

Geração Z: os líderes que não virão - e agora?
seloCarreira

Geração Z: os líderes que não virão - e agora?

Há 2 dias

Muitas vagas, poucos talentos: especialista revela qual o profissional mais disputado do mercado
seloCarreira

Muitas vagas, poucos talentos: especialista revela qual o profissional mais disputado do mercado

Há 2 dias

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais