Acompanhe:

Eleva Educação oferece mais de 100 bolsas de estudos em MG, RJ, MS e DF

As inscrições para Eleva Impacta, programa de bolsas voltado aos alunos de baixa renda, vão até o final de fevereiro

Modo escuro

Continua após a publicidade
Ao longo dos anos, o grupo vem aumentando sua atuação no pilar social com o objetivo de levar uma educação de qualidade para os mais jovens (Carol Yepes/Getty Images)

Ao longo dos anos, o grupo vem aumentando sua atuação no pilar social com o objetivo de levar uma educação de qualidade para os mais jovens (Carol Yepes/Getty Images)

B
Bússola

Publicado em 31 de janeiro de 2022 às, 11h31.

O Eleva Educação, rede de educação básica do Brasil com mais de 180 unidades escolares, está com as inscrições abertas para o Eleva Impacta, um dos programas de bolsas de estudo do grupo, voltado aos alunos de baixa renda da rede pública de ensino. O programa foi lançado em 2021 e já atingiu 41 alunos, com o objetivo de ampliar o acesso de forma gratuita à excelência educacional. Para a segunda edição serão oferecidas cem bolsas e as inscrições vão até o final de fevereiro.

As vagas são para famílias com renda de até 1,5 salário mínimo por pessoa e que o aluno esteja entre o 8º ano do ensino fundamental e a 2ª série do ensino médio da rede pública de ensino. As oportunidades são oferecidas em unidades parceiras do Pensi, Elite, Ideal e Coleguium, em três estados do Brasil: Rio de Janeiro, Mato Grosso do Sul e Minas Gerais; e no Distrito Federal. O processo seletivo é 100% online e as inscrições podem ser realizadas pelo site.

O processo de inscrição conta com cinco fases. Na primeira etapa, o candidato deverá preencher a inscrição no site do Eleva Impacta. Depois os candidatos aprovados seguem para prova online de Português e Matemática.

Posteriormente, os selecionados devem enviar documentos que comprovem as condições socioeconômicas para participação no Eleva Impacta. Na quarta etapa, os estudantes serão convidados a gravar um vídeo de até um minuto, explicando por quais motivos desejam ser um aluno Impacta.

Por fim, as famílias dos candidatos que chegarem a esta etapa passarão por uma entrevista com os diretores das escolas parceiras. Os candidatos aprovados nas fases anteriores serão encaminhados para matrícula na escola escolhida.

Ao longo dos anos, o grupo vem aumentando sua atuação no pilar social com o objetivo de levar uma educação de qualidade para os mais jovens. O grupo apoia diversas ações voltadas para bolsas de estudos e, somando todas as suas iniciativas, já são mais de 3,4 mil bolsistas, com alunos que vão desde o Infantil até o Ensino Médio, entre parcerias com outras instituições e programas próprios.

Siga a Bússola nas redes: Instagram | LinkedInTwitter | Facebook | Youtube

Veja também

Últimas Notícias

Ver mais
Clube CHRO: Qual será o maior desafio do Brasil nos próximos anos?
seloCarreira

Clube CHRO: Qual será o maior desafio do Brasil nos próximos anos?

Há 11 horas

Quer investir para pagar os estudos do seu filho no futuro? Veja a melhor estratégia
seloMinhas Finanças

Quer investir para pagar os estudos do seu filho no futuro? Veja a melhor estratégia

Há 11 horas

Novo Ensino Médio: ministro reconhece falhas e procura relator dois meses após última conversa
Brasil

Novo Ensino Médio: ministro reconhece falhas e procura relator dois meses após última conversa

Há 2 dias

Pobreza e desigualdade precisam ser enfrentados como problemas globais, diz Haddad no G20
Economia

Pobreza e desigualdade precisam ser enfrentados como problemas globais, diz Haddad no G20

Há 3 dias

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais