Acompanhe:

Projeto que autoriza guardas civis a aplicarem multas de trânsito avança em SP

O projeto agora recebeu aval para seguir em tramitação na Casa

Modo escuro

Continua após a publicidade
GCM: o texto do PL 496/2023 cita decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que alegou que as GCMs têm competência para fiscalizar o trânsito, registrar infrações e, se necessário, aplicar multas (Prefeitura de SP/Divulgação)

GCM: o texto do PL 496/2023 cita decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que alegou que as GCMs têm competência para fiscalizar o trânsito, registrar infrações e, se necessário, aplicar multas (Prefeitura de SP/Divulgação)

Projeto de lei que autoriza atuação da Guarda Civil Municipal (GCM) na fiscalização do trânsito foi aprovado na quarta-feira, 28, pela Comissão de Transportes e Comunicações da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp). O projeto agora recebeu aval para seguir em tramitação na Casa. De autoria do deputado estadual Thiago Auricchio (PL), o texto permite o convênio entre o Departamento Estadual de Trânsito (Detran) e prefeituras.

Como justificativa para a aprovação, o texto do PL 496/2023 cita decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que alegou que as GCMs têm competência para fiscalizar o trânsito, registrar infrações e, se necessário, aplicar multas. Outro ponto ressaltado, que menciona a Lei Federal nº 13.675, de 11 de junho de 2018, que integrou as forças de segurança pública, é a necessidade de padronização das ações que visam prevenir e controlar a violência e criminalidade no País.

O texto que tramita na Alesp ainda reforça a importância de trabalho conjunto entre os órgãos de trânsito do Estado e as prefeituras, para que a fiscalização seja aperfeiçoada e integrada. Ainda serão definidas ações específicas com o objetivo de intensificar a realização de projetos estratégicos que buscam garantir a redução de acidentes no trânsito e maior segurança pública.

Créditos

Últimas Notícias

Ver mais
Enel SP apresenta a Nunes plano de investimento de R$ 6,2 bilhões entre 2024 e 2026
Brasil

Enel SP apresenta a Nunes plano de investimento de R$ 6,2 bilhões entre 2024 e 2026

Há 7 horas

Ônibus aquático é liberado, mas viação responsável é suspeita de elo com PCC
Brasil

Ônibus aquático é liberado, mas viação responsável é suspeita de elo com PCC

Há 17 horas

De menu assinado a comida brasileira: 3 opções de almoço executivo na região da República em SP
Casual

De menu assinado a comida brasileira: 3 opções de almoço executivo na região da República em SP

Há 19 horas

'Não vamos permitir invasões em São Paulo', diz Tarcísio sobre 'abril vermelho' do MST
Brasil

'Não vamos permitir invasões em São Paulo', diz Tarcísio sobre 'abril vermelho' do MST

Há um dia

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais