Acompanhe:

Philip Morris pede que Anvisa reveja decisão

A empresa diz que examinará todas as alternativas para combater a medida e pede uma revisão imediata da Resolução pela Anvisa.

Modo escuro

Continua após a publicidade
Philip Morris (Getty Images/Mario Tam)

Philip Morris (Getty Images/Mario Tam)

D
Da Redação

Publicado em 16 de março de 2012 às, 21h22.

São Paulo - A Philip Morris distribuiu comunicado à imprensa em que lamenta a regulamentação sobre produtos de tabaco anunciada pela Diretoria Colegiada da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

A empresa diz que examinará todas as alternativas para combater a medida e pede uma revisão imediata da Resolução pela Anvisa.

Segundo a empresa, a decisão "terá um impacto devastador sobre a produção e cultivo do fumo". "A Anvisa optou por desconsiderar as preocupações reiterada e consistentemente levantadas por produtores de fumo, fornecedores, varejistas e fabricantes durante todo o processo de consulta pública.

Suas ações são arbitrárias, extremas e não apresentam qualquer evidência relevante de que terão um impacto positivo para a saúde pública", diz a nota da companhia.

Últimas Notícias

Ver mais
Troca de comando e Projeto Cerrado em ação: a nova fase da Suzano pós-Schalka
Exame IN

Troca de comando e Projeto Cerrado em ação: a nova fase da Suzano pós-Schalka

Há 10 horas

Com 4º tri "de ouro", lucro da C&A dobra e bate (com folga) previsão do mercado 
Exame IN

Com 4º tri "de ouro", lucro da C&A dobra e bate (com folga) previsão do mercado 

Há 12 horas

Porto tem trimestre acima do consenso; Kakinoff quer manter ritmo de crescimento
Exame IN

Porto tem trimestre acima do consenso; Kakinoff quer manter ritmo de crescimento

Há um dia

Na WEG, a falácia da baixa rentabilidade fora do Brasil
Exame IN

Na WEG, a falácia da baixa rentabilidade fora do Brasil

Há um dia

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais