Brasil

Nos EUA, Haddad diz que medidas sobre déficit zero avançam no Congresso

Ministro não quis se manifestar sobre declarações do presidente do BC ''sem conhecer o contexto''

Haddad: ministro comenta sobre meta fiscal nos EUA (Diogo Zacarias/MF/Flickr/Divulgação)

Haddad: ministro comenta sobre meta fiscal nos EUA (Diogo Zacarias/MF/Flickr/Divulgação)

Agência o Globo
Agência o Globo

Agência de notícias

Publicado em 17 de abril de 2024 às 12h31.

O ministro da Fazenda, Fernando Haddad, fez comentários breves sobre meta de déficit zero para 2024 e 2025. Segundo Haddad, as medidas estão avançando no Congresso. "Estamos acompanhando a evolução das votações no Congresso. Teve uma evolução positiva ontem (terça-feira, 17)", disse Haddad.

Questionado sobre os comentários do presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, sobre política fiscal e monetária, Haddad disse que não comentaria as declarações sem conhecer o contexto.

O ministro da Fazenda está em Washington para as reuniões de primavera do Fundo Monetário Internacional (FMI) e Banco Mundial que acontecem ao longo da semana. Nesta quarta-feira, Haddad terá agenda sobre taxação de superricos e pobreza, dentro da programação de eventos do G20.

Acompanhe tudo sobre:Estados Unidos (EUA)Fernando HaddadNovo arcabouço fiscal

Mais de Brasil

Nível do Guaíba cai 17 cm em Porto Alegre e segue baixando

Adaptação das cidades à crise climática exige mudança de paradigma, dizem especialistas

Bairros, empreendimentos e cidades inteligentes

Enchentes no RS: mais de 76 mil pessoas estão em abrigos; 155 mortes e 94 desaparecidos

Mais na Exame