Brasil

Cruz Vermelha dará consultoria pós-traumática em Santa Maria

De acordo com nota emitida pelas associações, essa iniciativa visa a "prevenção de transtornos que possam ser desencadeados em virtude de traumas graves"

Mulheres deixam flores na porta da boate Kiss, na cidade de Santa Maria, onde um incêndio matou 231 pessoas ( REUTERS/ Ricardo Moraes)

Mulheres deixam flores na porta da boate Kiss, na cidade de Santa Maria, onde um incêndio matou 231 pessoas ( REUTERS/ Ricardo Moraes)

DR

Da Redação

Publicado em 13 de junho de 2013 às 07h48.

São Paulo - A Cruz Vermelha Brasileira (CVB) e a Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP) anunciaram nesta terça-feira que irão fornecer consultoria gratuita de médicos especialistas em situações pós-traumáticas para os sobreviventes e familiares de vítimas do incêndio da boate de Santa Maria (RS), que matou 231 pessoas na madrugada do último domingo.

De acordo com nota emitida pelas associações, essa iniciativa visa a "prevenção de transtornos que possam ser desencadeados em virtude de traumas graves e estresse pós-traumático, matiz para possíveis transtornos como depressão, síndrome do pânico, transtornos alimentares, fobias, dentre outros".

Paralelamente, será colocado em prática o programa chamado "Cuidando do cuidador", que oferece apoio aos profissionais de saúde - como médicos e enfermeiros - e de atendimento e gestão da crise - como bombeiros e policiais.

"É normal que tragédias de grande proporção abalem profissionais de saúde diretamente envolvidos no socorro às vítimas. São profissionais, mas antes de tudo são seres humanos suscetíveis à dor alheia. O objetivo do programa é prestar apoio a estes profissionais", explicou Antonio Geraldo da Silva, presidente da ABP.

De acordo com as instituições, suporte semelhante também foi fornecido a parentes ou vítimas de outras situações traumáticas no Brasil, como as enchentes de Santa Catarina, em 2008, a queda do avião da Air France no Oceano Atlântico, em 2009 e a queda do avião da TAM em Congonhas, em 2007.

Israel presta condolências

O presidente de Israel, Shimon Peres, enviou carta ma segunda-feira à presidente Dilma Rousseff prestando condolências aos brasileiros, em razão do incêndio ocorrido em Santa Maria. Peres disse sentir "profunda consternação" com o fato e desejou a todos os feridos uma pronta recuperação. "Nossos corações estão com todos vocês neste momento de luto, enquanto inclinamos nossas cabeças e oramos junto, diante de tanta perda".

Acompanhe tudo sobre:Cruz VermelhaIncêndio de Santa MariaIncêndiosRio Grande do Sul

Mais de Brasil

Reforma tributária: relatório será entregue dia 3, após reunião geral com governadores

Chuvas no RS: 74 municípios sofreram danos por alagamentos e deslizamentos nos últimos 10 dias

UPA: o que você precisa saber para ser atendido

Passaporte brasileiro: quanto custa e como tirar

Mais na Exame