Brasil

Bolsonaro diz esperar sucesso de Salles em SP, em sinal de afastamento de Nunes

Ex-presidente elogiou o trabalho do ex-ministro do Meio Ambiente durante seu mandato

Bolsonaro: ex-presidente foi declarado inelegível por oito anos pelo TSE no mês passado (Alan Santos/PR/Flickr)

Bolsonaro: ex-presidente foi declarado inelegível por oito anos pelo TSE no mês passado (Alan Santos/PR/Flickr)

Estadão Conteúdo
Estadão Conteúdo

Agência de notícias

Publicado em 24 de outubro de 2023 às 15h13.

Última atualização em 24 de outubro de 2023 às 15h26.

O ex-presidente Jair Bolsonaro disse nesta terça-feira, 24, que tem esperança de o deputado federal e seu ex-ministro Ricardo Salles (PL-SP) "ter sucesso" em São Paulo. Salles é pré-candidato a prefeito da capital paulista. Segundo Bolsonaro, esse é seu desejo. A negociação partidária estaria em andamento por meio do presidente do PL, Valdemar Costa Neto.

Bolsonaro falou no lançamento da Frente Parlamentar Invasão Zero. Disse que, no seu governo, Salles, então ministro do Meio Ambiente, e Tereza Cristina, então ministra da Agricultura, trabalhavam bem juntos. Então, deu a seguinte declaração: "Apesar de o temperamento do Salles ser um pouquinho exaltado de vez em quando. Ainda tenho esperança de que ele terá sucesso em São Paulo".

Bolsonaro tem uma relação com altos e baixos com o prefeito da capital paulista, Ricardo Nunes, que tentará a reeleição. Será um revés para Nunes se Bolsonaro não apoiá-lo e lançar um candidato de seu grupo político na capital paulista.

Na última sexta-feira, 20, em entrevista ao "Estadão" e à rádio Eldorado, o prefeito reforçou que gostaria de contar com o ex-presidente em sua campanha. "Eu gostaria, porque a gente tem de fazer uma ação aqui de união do centro e da direita, que é o perfil do grande eleitor aqui da cidade", afirmou. Na ocasião, ele também enfatizou que o PL, partido de Bolsonaro, terá muito peso na escolha do vice, em razão de seu tamanho.

Ricardo Salles, por sua vez, disse, no início do mês, que pretende se candidatar à prefeitura de São Paulo mesmo que não tenha apoio do PL, sua atual legenda. O parlamentar afirmou ao "Estadão" que está em conversas c com outras siglas e que, hoje, seria candidato de toda forma.

"Estou conversando com outros partidos e com o próprio PL, mas nada definido", disse ele, após publicar nas redes sociais que está de volta o jogo. Questionado diretamente se diria hoje que é candidato de toda forma, seja o PL ou em outro partido, ele reafirmou: "Sim. Essa é a ideia".

Acompanhe tudo sobre:Jair BolsonaroRicardo SallesRicardo Nunes

Mais de Brasil

Os estados mais e menos desenvolvidos do Brasil, segundo a ONU

Cidades brasileiras têm queda no IDH, recuo na expectativa de vida e frequência escolar, aponta ONU

O frio vai continuar em São Paulo? Veja como ficam as temperaturas na semana

Moraes autoriza PF a ouvir Rivaldo Barbosa, investigado pela morte de Marielle

Mais na Exame