Acompanhe:

Alckmin promete IVA para substituir cinco impostos, caso Lula seja eleito

"A reforma ajudará a economia a crescer. O Brasil será outro", publicou o candidato nas redes sociais, ao comentar a proposta de Lula para a economia

Modo escuro

Continua após a publicidade
Eleições 2022: Lula e Alckmin prometem reforma tributária (Alexandre Schneider/Getty Images)

Eleições 2022: Lula e Alckmin prometem reforma tributária (Alexandre Schneider/Getty Images)

E
Estadão Conteúdo

Publicado em 24 de outubro de 2022 às, 14h34.

Última atualização em 24 de outubro de 2022 às, 14h35.

Candidato a vice-presidente e considerado um elo da campanha petista com o mercado financeiro, o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin (PSB) prometeu nesta segunda-feira (24) que Luiz Inácio Lula da Silva (PT), se eleito presidente, vai promover uma reforma tributária com um Imposto sobre Valor Agregado (IVA) em substituição a cinco tributos.

"A reforma ajudará a economia a crescer. O Brasil será outro", publicou o candidato nas redes sociais, ao comentar a proposta de Lula para a economia.

De acordo com o Alckmin, o Brasil terá um novo tripé formado por credibilidade, estabilidade e previsibilidade, palavras usualmente utilizadas por Lula para se apresentar ao centro político. O ex-governador também afirmou que responsabilidade fiscal é algo inegociável para a chapa.

Fique por dentro de tudo sobre as Eleições 2022 e os resultados das pesquisas eleitorais. Clique aqui e receba gratuitamente a newsletter EXAME Desperta.

"A agenda econômica de Lula vai focar na competitividade. Reduzir o custo de produção. Retomar nossa indústria, emprego e renda. Desburocratização e digitalização junto de investimentos em infraestrutura e logística, enfrentando os gargalos do escoamento da nossa produção", escreveu o ex-governador.

Apoios

Alckmin também destacou, na nota publicada nas redes sociais, o apoio de economistas do Plano Real à candidatura de Lula e mostrou disposição de, se ele e o petista forem eleitos, ampliar as relações do Brasil com o mercado financeiro global.

"Acordos internacionais são fundamentais. Precisamos nos abrir à liquidez do mundo, que aguarda o retorno do Brasil para investir por aqui pautado na nova lógica da sustentabilidade", escreveu.

LEIA TAMBÉM:

Confira a agenda dos candidatos à Presidência para esta segunda-feira, 24

Regiões com chances de 'virar voto' são alvo de disputa entre Lula e Bolsonaro

Últimas Notícias

Ver mais
Câmara lista 16 projetos sobre regulação de ferramentas de monitoramento
Brasil

Câmara lista 16 projetos sobre regulação de ferramentas de monitoramento

Há 3 horas

Vai chover hoje? Semana começa com previsão de chuvas intensas em SP e no Rio; veja previsão
Brasil

Vai chover hoje? Semana começa com previsão de chuvas intensas em SP e no Rio; veja previsão

Há 4 horas

Bolsonaro defende anistia para presos de 8 de janeiro e minimiza acusações de golpe
Brasil

Bolsonaro defende anistia para presos de 8 de janeiro e minimiza acusações de golpe

Há 16 horas

Apoiadores de Bolsonaro se reúnem em ato na Av. Paulista
Brasil

Apoiadores de Bolsonaro se reúnem em ato na Av. Paulista

Há 18 horas

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais