Acompanhe:

Zoom aceita pagar US$ 85 milhões após processo por violação de privacidade

O processo acusa o Zoom de compartilhar dados pessoais de usuários com Facebook, Google e LinkedIn - uma violação do seu acordo de privacidade

Modo escuro

Continua após a publicidade
Zoom (Z1OM34) (NurPhoto/Getty Images)

Zoom (Z1OM34) (NurPhoto/Getty Images)

A
AFP

Publicado em 2 de agosto de 2021 às, 09h44.

A empresa de videoconferência Zoom concordou em encerrar uma ação coletiva de privacidade nos Estados Unidos por US$ 85 milhões, informou a empresa neste domingo (1º).

O processo acusava o Zoom de compartilhar dados pessoais de usuários com Facebook, Google e LinkedIn, o que era uma violação da privacidade de milhões de pessoas. Embora o Zoom negue ter agido de má-fé, concordou em melhorar suas práticas de segurança.

  • Não perca as últimas tendências do mercado de tecnologia. Assine a EXAME.

O acordo deve ser aprovado pela juíza distrital Lucy Koh em San Jose, Califórnia.

"A privacidade e a segurança de nossos usuários são as principais prioridades do Zoom, e levamos a sério a confiança que nossos usuários depositam em nós", declarou um porta-voz da empresa à AFP.

"Estamos orgulhosos dos avanços que fizemos em nossa plataforma e esperamos continuar a inovar com privacidade e segurança na vanguarda", acrescentou.

O acordo estabelecerá um "fundo de caixa irreversível de US$ 85 milhões para pagar reivindicações válidas, custos de serviço e administração, pagamentos de serviços a representantes de classe e honorários advocatícios e custas judiciais", de acordo com o texto preliminar.

Aqueles que pagaram por uma conta podem receber 15% do dinheiro creditado no Zoom para sua assinatura principal durante esse período ou US$ 25, o que for mais alto, enquanto aqueles que não pagaram por uma assinatura podem reivindicar US$ 15.

Como a pandemia do coronavírus levou ao fechamento de escritórios e negócios presenciais, o uso de plataformas de vídeo e colaboração hospedadas por empresas como Zoom, Slack, Microsoft e Google ganhou enorme popularidade. Mas o crescimento do Zoom aumentou as preocupações com a privacidade de seus usuários.

 

 

Últimas Notícias

Ver mais
EUA, Guatemala e México se reúnem para interromper migração irregular
Mundo

EUA, Guatemala e México se reúnem para interromper migração irregular

Há 4 horas

Chatbot se diz apaixonado por usuário e sugere que ele termine casamento
Inteligência Artificial

Chatbot se diz apaixonado por usuário e sugere que ele termine casamento

Há 13 horas

UE vai analisar investimentos da Microsoft em Inteligência Artificial
Inteligência Artificial

UE vai analisar investimentos da Microsoft em Inteligência Artificial

Há 13 horas

Google faz teste de ferramenta de IA com jornalistas
Inteligência Artificial

Google faz teste de ferramenta de IA com jornalistas

Há 14 horas

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais