Acompanhe:

Vendas de smartphones superam as de PCs pela primeira vez

Um estudo da empresa de pesquisas de mercado IDC mostra que, no último trimestre de 2010, pela primeira vez, foram vendidos mais smartphones que PCs no mundo.

Modo escuro

Continua após a publicidade
Smartphones: em 2010, foram vendidos 303 milhões de aparelhos  (Alex Wong/Getty Images)

Smartphones: em 2010, foram vendidos 303 milhões de aparelhos (Alex Wong/Getty Images)

M
Maurício Grego

Publicado em 10 de fevereiro de 2011 às, 10h36.

Segundo a IDC, as vendas mundiais de smartphones no quarto trimestre do ano foram de 101 milhões de unidades. Isso representa um crescimento de 87% em comparação com o mesmo período de 2009. Considerando o ano inteiro, as vendas de smartphones somaram 303 milhões de unidades, 74,4% mais que os 174 milhões vendidos em 2009. Já as vendas de PCs cresceram 3% em um ano. No trimestre, foram vendidos 92 milhões desses computadores. O crescimento foi menor do que o que vinha sendo previsto. E, pela primeira vez, o número é menor que o de smartphones.

Mas os dois fenômenos parecem não ter relação um com o outro. Smartphones e PCs servem a diferentes propósitos e a aquisição de um deles pelo consumidor não exclui a compra do outro. No lado dos smartphones, os preços caíram e a variedade de modelos à venda vem aumentando continuamente. O sucesso do Android, do Google, e a chegada do Symbian^3, da Nokia, e do Windows Phone 7, da Microsoft, no final do ano, ajudaram a acelerar esse movimento. Assim, smartphones de baixo custo vêm tomando o lugar dos celulares simples – ao mesmo tempo que o mercado total continua crescendo. 

Já as vendas de PCs – especialmente dos netbooks – têm sido prejudicadas pelo sucesso dos tablets, como o iPad. Uma estudo da empresa de análise de mercado Barclays Capital estima que as vendas de tablets vão crescer de 16 milhões em 2010 para 85 milhões em 2014. Isso equivale a um crescimento anual médio de 150%. Outra previsão é que as vendas de netbooks vão cair de 32 milhões de unidades em 2010 para 20 milhões em 2014. Outro detalhe que favorece os smartphones é que esses aparelhos tendem a ser substituídos, pelos usuários, a intervalos menores do que os PCs. 

Últimas Notícias

Ver mais
Além de óculos e relógios: Chilli Beans abre o leque e aposta em bebidas e caixas de som
Casual

Além de óculos e relógios: Chilli Beans abre o leque e aposta em bebidas e caixas de som

Há 6 horas

Huawei lança seu primeiro PC com inteligência artificial equipado com processador Intel
Inteligência Artificial

Huawei lança seu primeiro PC com inteligência artificial equipado com processador Intel

Há 12 horas

Microsoft anuncia mais um avanço na computação quântica e aproxima tecnologia do 'mundo real'
Tecnologia

Microsoft anuncia mais um avanço na computação quântica e aproxima tecnologia do 'mundo real'

Há 17 horas

Google testa retirada de links para sites de notícias da Califórnia
Tecnologia

Google testa retirada de links para sites de notícias da Califórnia

Há 17 horas

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais