Tecnologia

Novo recurso do Google Earth permite que usuários “voltem no tempo”

As imagens mostram as mudanças que ocorreram ao redor do mundo nos últimos 37 anos – uma tentativa de conscientizar o público sobre mudanças ambientais

Google Earth: a ferramenta mostra a mudança nas linhas costeiras, a expansão generalizada de paisagens urbanas e terras agrícolas, e o recuo simultâneo de geleiras, florestas e rios (Jaap Arriens/NurPhoto/Getty Images)

Google Earth: a ferramenta mostra a mudança nas linhas costeiras, a expansão generalizada de paisagens urbanas e terras agrícolas, e o recuo simultâneo de geleiras, florestas e rios (Jaap Arriens/NurPhoto/Getty Images)

R

Reuters

Publicado em 16 de abril de 2021 às 17h35.

O Google Earth adicionou na última quinta-feira um recurso de timelapse à plataforma, dando aos usuários uma ideia de como as mudanças climáticas, a urbanização e o desmatamento alteraram o planeta nas últimas quatro décadas.

Criado com 24 milhões de imagens de satélite, junto com 800 vídeos com curadoria e guias interativos, o recurso permite que os usuários vejam a passagem de tempo dos últimos 37 anos em qualquer lugar do planeta – uma tentativa de conscientizar o público sobre mudanças ambientais.

A plataforma usa informações da Nasa, do Programa Landsat da agência geológica dos Estados Unidos (USGS) e do programa Copérnico da União Europeia.

A ferramenta mostra a mudança nas linhas costeiras, a expansão generalizada de paisagens urbanas e terras agrícolas, e o recuo simultâneo de geleiras, florestas e rios.

Um vídeo mostra a rápida transição de florestas para vilas e fazendas perto da Bolívia, uma das principais causas do desmatamento na floresta amazônica; enquanto outro mostra a diminuição da geleira Columbia no Alasca em 20 quilômetros devido ao aquecimento global.

yt thumbnail
Acompanhe tudo sobre:Google EarthMeio ambienteMudanças climáticas

Mais de Tecnologia

Tecnologia vira aliada no cuidado de idosos na China

Ciberataques causam colapso em hospitais do Reino Unido

Oracle encerra negócio de publicidade após queda de receita

Seu iPhone será atualizado? Confira a lista de quais modelos vão receber o novo iOS 18

Mais na Exame