Google lança Android 13; novidades visuais e de segurança prometem mais personalização

A nova versão do Android chega primeiro para usuários do Pixel, que não é vendido no Brasil
Android 13: a atualização é mais branda que a do Android 12, do ano passado, mas avança na privacidade e nos aprimoramentos visuais apresentados na compilação anterior (Google/Divulgação)
Android 13: a atualização é mais branda que a do Android 12, do ano passado, mas avança na privacidade e nos aprimoramentos visuais apresentados na compilação anterior (Google/Divulgação)
A
André Lopes

Publicado em 15/08/2022 às 15:38.

Última atualização em 17/08/2022 às 14:55.

O Google anunciou nesta segunda-feira, 15 o lançamento mundial do Android 13. Disponível inicialmente para dispositivos das linhas Pixel, que não são vendidos no Brasil, a nova versão do sistema operacional móvel promete agregar mais recursos de personalização e privacidade, além de permitir maior integração entre smartphones, tablets e Chromebooks.

Entre os destaques de funcionalidades da atualização estão as opções de transferir a cor dos aplicativos entre si, configurações de idioma para apps determinados, e até a possibilidade de copiar texto e imagens de um aparelho Android e colar em outro, com um único clique.

Veja também: Apple planeja anúncios para aplicativos proprietários, diz rumor

O novo controle de mídia também promete ser mais intuitivos e agora ocupa mais espaço na bandeja de notificações. Apps de música como Spotify, YouTube e Apple Music não precisaram ser abertos para que o usuário controle a reprodução e navegue entre as páginas.

Outra adição valiosa é o suporte para o Bluetooth Low Energy (LE). Essa ferramenta incrementa a qualidade de áudio e capacita o dispositivo para transmissões em múltiplos dispositivos simultaneamente.

A atualização ainda promete levar mais privacidade e mais segurança aos usuários. Entre as novidades, está um recurso para impedir que os apps acessem todos os arquivos do celular.

Assim, o usuário poderá escolher duas categorias no lugar de “Arquivos e mídia” ao abrir uma foto, por exemplo: “Fotos e vídeos” e “Música e áudio”

A atualização também vai trazer reforço às notificações. Assim como no iPhone, os aplicativos terão de solicitar a permissão do usuário para enviar alertas para evitar incômodos.

Surge também o painel “Segurança e Privacidade”. Um menu que mostrará um indicador para o status de segurança do seu celular e oferecerá orientação e etapas que você pode seguir para aumentar a proteção do smartphone.

Outra aposta gira em torno do ecossistema do Google. Além de levar o Google Wallet ao Wear OS, a companhia pretende deixar os celulares mais próximos de tablets com Android.

O Android 13 também terá suporte para vídeos HDR em aplicativos de câmeras de terceiros, switcher atualizado para saída de vídeos e fotos, telas em braille para o recurso Talkback e muito mais.