Tecnologia

Google fecha acordo em processo sobre privacidade no Buzz

O acordo fechado com um usuário que abriu o processo contra o Google prevê o pagamento de 8,5 milhões de dólares

O acordo segue anúncio pelo Google de mudanças em sua política de privacidade (.)

O acordo segue anúncio pelo Google de mudanças em sua política de privacidade (.)

DR

Da Redação

Publicado em 3 de setembro de 2010 às 21h00.

São Francisco - O Google fechou um acordo em ação que alegava violações de privacidade em seu serviço de rede social Google Buzz, segundo documento entregue ao tribunal desta sexta-feira.

O acordo segue anúncio pelo Google de mudanças em sua política de privacidade para torná-la "mais transparente e compreensível", segundo afirmou o conselheiro da companhia, Mike Yang, em seu site.

Lançado em fevereiro, o Buzz usava, inicialmente, os contatos listados na conta de email de usuários para formar os contatos da rede social, que fica visível para todos. O Google foi rápido em desfazer essas configurações para que a configuração padrão fosse de manter esses contatos privados.

O acordo fechado com um usuário que abriu o processo contra o Google prevê o pagamento de 8,5 milhões de dólares para cobrir gastos com assistência jurídica e doações para organizações de defesa de privacidade na Internet. O acordo também determina que o Google divulgue amplamente os aspectos de privacidade do Google Buzz.

Leia mais notícias sobre Google

Siga as notícias do site EXAME sobre Tecnologia no Twitter

Acompanhe tudo sobre:EmpresasEmpresas americanasEmpresas de internetempresas-de-tecnologiaGoogleInternetPrivacidadeProcessos judiciaisTecnologia da informação

Mais de Tecnologia

Dez anos de Spotify no Brasil: o app que extinguiu a pirataria e virou sinônimo de música

O que esperar do balanço da Nvidia, a mais nova queridinha de Wall Street

Quatro operadoras da China se unem para oferecer roaming 5G entre redes

Colher elétrica promete 'temperar' alimento sem utilizar mais sal

Mais na Exame