Tecnologia

Facebook deve superar Orkut na Índia

No ano passado, rede de Mark Zuckerberg cresceu 177%, enquanto site do Google subiu apenas 35% no país asiático

Números de junho devem apontar Facebook à frente de do Orkut na Índia (.)

Números de junho devem apontar Facebook à frente de do Orkut na Índia (.)

DR

Da Redação

Publicado em 10 de outubro de 2010 às 03h48.

São Paulo - A liderança do Orkut parece estar com os dias contados. Pelo menos na Índia, onde a rede social do Google é a mais popular entre a população local - assim como no Brasil.

Segundo números da comScore, o Facebook tem crescido de forma vertiginosa, já encostou no Orkut e deve superá-lo em breve no país asiático.

Relatório aponta que, em maio, a rede social de Mark Zuckerberg atraiu 18 milhões de usuários no país, contra 19,7 milhões do Orkut. No ano passado, o Facebook cresceu 177% contra apenas 35% do Orkut.

A expectativa é que quando os números de junho forem revelados, o Facebook apareça na frente do Orkut pela primeira vez. Estimativas do próprio Google Trends confirmam a previsão.

Atualmente, o Facebook tem voltado todas as suas atenções para o país onde as vacas são sagradas. A empresa está contratando 500 profissionais para seu novo escritório no país.

Por aqui, o Orkut ainda se mantém em posição confortável, com 29 milhões de visitantes por mês contra 8 milhões do Facebook, segundo números da comScore.

Apesar disso, o Google não perde tempo. Rumores indicam que a empresa está trabalhando em uma nova rede social, com o mesmo formato do Facebook e chamada Google Me.

Leia outras notícias sobre Orkut ou sobre Facebook

Acompanhe tudo sobre:ÁsiaEmpresasEmpresas americanasEmpresas de internetempresas-de-tecnologiaFacebookGoogleÍndiaInternetOrkutRedes sociais

Mais de Tecnologia

TikTok passa a testar vídeos de 60 minutos e acirra disputa com YouTube

Como tirar o online do WhatsApp no Android? Confira o tutorial no app

Como escanear documentos no seu smartphone sem instalar nada

Como descobrir uma fonte a partir da imagem pela internet

Mais na Exame