Acompanhe:

Vamos Trazer leva artista onde o público o quer

Plataforma criada pelo comediante Murilo Gun permite que fãs lancem campanhas para trazer figuras pública a suas cidades

Modo escuro

Continua após a publicidade
Murilo Gun e Gustavo Agra, do Vamos Trazer: demanda coletiva viabiliza eventos (Divulgação)

Murilo Gun e Gustavo Agra, do Vamos Trazer: demanda coletiva viabiliza eventos (Divulgação)

D
Daniela Moreira

Publicado em 13 de julho de 2011 às, 14h19.

São Paulo – Viabilizar apresentações de artistas em locais aos quais eles normalmente não iriam é a proposta do Vamos Trazer, plataforma criada pelo comediante Murilo Gun e pelo produtor Gustavo Agra.

“Existem artistas com tempo livre pra fazer shows e existe, ao mesmo tempo, uma demanda razoável pela presença deles em alguns locais, mas esses eventos não se viabilizam porque não há certeza se haveria público suficiente”, explica Gun.

Por meio do Vamos Trazer, fãs podem criar “campanhas” para trazer figuras públicas – músicos, comediantes e até nomes não necessariamente ligados às artes, como o médico Drauzio Varela – ao local de sua preferência.

Se a campanha atingir o mínimo necessário de apoiadores, os responsáveis pelo site entram no circuito para tentar viabilizar o evento, entrando em contato com os produtores e agentes dos convidados. 

Caso o evento seja viabilizado, os apoiadores da campanha ganham o direito de comprar ingressos em primeira mão. Já a plataforma lucra com a intermediação da venda dos ingressos.

Segundo Gun, a expectativa é de que nos meses de setembro, outubro e novembro sejam viabilizados cerca de 10 eventos ao mês pela plataforma. “Como acabamos de estrear, deve levar cerca de um mês para que as primeiras campanhas sejam concluídas e mais um mês, um mês e meio para que os shows sejam produzidos, por isso os primeiros eventos devem acontecer dentro de dois meses”, justifica.

Gun entrou cedo no mundo dos negócios online. No ano de 1997, com apenas 14 anos, ganhou o prêmio iBest de melhor site pessoal do Brasil. Dedicou-se por 10 anos à internet até decidir tornar-se comediante, aos 24. Agra é produtor cultural desde 1996, realizando cerca de 50 espetáculos ao ano por meio da sua empresa Art Rec Produções.

Últimas Notícias

Ver mais
Como uma empresa faz R$ 160 milhões levando pessoas ao trabalho — sem ter sequer um veículo
seloNegócios

Como uma empresa faz R$ 160 milhões levando pessoas ao trabalho — sem ter sequer um veículo

Há 2 dias

“Estou muito interessado em oportunidades no Brasil”, diz Victor Lazarte, fundador da Wildlife
seloNegócios

“Estou muito interessado em oportunidades no Brasil”, diz Victor Lazarte, fundador da Wildlife

Há 3 dias

"Eu estou mais otimista do que há um ano", afirma Alex Szapiro, líder do SoftBank na América Latina
seloNegócios

"Eu estou mais otimista do que há um ano", afirma Alex Szapiro, líder do SoftBank na América Latina

Há 3 dias

Startup desenvolve solução feita com resíduos para captar CO2 da mineração
ESG

Startup desenvolve solução feita com resíduos para captar CO2 da mineração

Há 3 dias

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais