Franquias de baixo custo atraem investidores

Há opções de empreendimentos que custam até 50 mil reais, como a de cuidados para cães
A maior parte dessas franquias é de serviços, como a de passear com cães (.)
A maior parte dessas franquias é de serviços, como a de passear com cães (.)
P
Priscila ZuiniPublicado em 10/10/2010 às 03:34.

São Paulo - A novidade apresentada na feira da Associação Brasileira de Franchising neste ano é o modelo de microfranquia, um empreendimento de investimento máximo de 50 mil reais. A opção é comum para quem quer conciliar o negócio com alguma outra atividade profissional.

De acordo com o diretor executivo da ABF, Ricardo Camargo, o setor de serviços é o mais contemplado com opções mais baratas. São franquias dos mais variados setores e que devem crescer ainda mais neste ano, segundo a ABF.

O que garante preços tão baixos para alguns modelos é a opção de home based, ou seja, não é preciso investir em uma loja física para fazer o negócio funcionar. O Grupo Zaiom é um dos principais franqueadores deste tipo de franquia. "Este é um modelo que vem crescendo muito nos Estados Unidos, mas ainda é pouco explorado no Brasil", afirma Artur Hipólito, diretor do grupo.

Entre as opções, há a Dr. Jardim, de serviços de jardinagem, a Dog Relax, de cuidados e passeios com cães, a Amigo Computador, de manutenção das máquinas, e a Tutores, de aulas de reforço escolar. Os investimento máximo é de 20 mil reais. Outras franquias que podem ser adquiridas por até 50 mil reais são a Costura do Futuro, Emagrecentro, Franquia Paraná Crédito e  Mais Cursos Interativos.