Cade aprova aquisição pelo iFood de 100% da empresa de entregas Rappido

Conselho entendeu que operação não gera mudança no mercado concorrencial, já que as empresas atualmente pertencem ao mesmo grupo

São Paulo – O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou sem restrições a aquisição pelo iFood da empresa brasileira Rapiddo de entrega de pedidos, por entender que a operação não gera mudança no mercado concorrencial, já que as duas empresas atualmente pertencem ao mesmo grupo.

A iFood, que atua no mercado brasileiro de pedidos de comida por meio de uma plataforma online, é controlada pela Movile Internet Movel, empresa do grupo Naspers, e tem como acionista minoritário a britânica Just Eat. A Movile também detém 72,6 por cento da Rapiddo Agência de Serviços de Entregas Rápidas.

“Operação não possui o condão de acarretar efeitos competitivos no mercado, uma vez que Rapiddo e iFood continuarão a ser controladas pela Movile, não havendo qualquer relação horizontal ou vertical entre Rapiddo e iFood ou Just Eat que não seja preexistente à operação”, disse a superintendência-geral do Cade em parecer que recomendou a aprovação da operação.

 

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 44,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa quinzenal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.