Acompanhe:

Meninos da caverna choram a morte de mergulhador na Tailândia

Os adolescentes, de 11 e 16 anos, só ficaram sabendo da morte do mergulhador voluntário no sábado

Modo escuro

Continua após a publicidade
Os 12 membros do time de futebol da Thailândia e seu treinador posam ao lado de uma figura de Samarn Kunan, mergulhador voluntário que morreu durante o resgate, no hospital de Chiang Rai Prachanukroh  (Chiang Rai Prachanukroh Hospital AND Ministry of Public Health/Reuters)

Os 12 membros do time de futebol da Thailândia e seu treinador posam ao lado de uma figura de Samarn Kunan, mergulhador voluntário que morreu durante o resgate, no hospital de Chiang Rai Prachanukroh (Chiang Rai Prachanukroh Hospital AND Ministry of Public Health/Reuters)

A
AFP

Publicado em 15 de julho de 2018 às, 11h33.

Última atualização em 15 de julho de 2018 às, 11h38.

Os doze adolescentes resgatados depois de ficarem presos por 18 dias em uma caverna lamentaram a morte de um mergulhador tailandês durante as operações de socorro, informou neste domingo o ministério da Saúde.

A equipe de futebol dos "Javalis Selvagens" foram informados que, em 6 de julho, Saman Kunan, um navegador aposentado da marinha tailandesa e que trabalhava como voluntário no resgat, morreu quando tentava estabelecer uma linha fornecimento de oxigênio na caverna em que estavam presos.

Os adolescentes, de 11 e 16 anos, só ficaram sabendo dessa informação no sábado.

"Todos choraram e expressaram seus pêsames escrevendo mensagens em um desenho do capitão de corveta Saman e observaram um minuto de silêncio por ele", afirmou o secretário permanente do ministério da Saúde, Jedsada Chokdamrongsuk, em um comunicado.

Saman Kunan, triatleta e mergulhador, deixou a marinha em 2006 e trabalhava no aeroporto de Suvarnabhumi, emBangcoc.

Quando soube dos meninos presos, se apresentou como voluntário para participar no resgate.

Últimas Notícias

Ver mais
Tailândia avança lei que permite casamento homoafetivo
Mundo

Tailândia avança lei que permite casamento homoafetivo

Há uma semana

Tailândia volta atrás e vai banir o uso recreativo de maconha até o fim do ano
Mundo

Tailândia volta atrás e vai banir o uso recreativo de maconha até o fim do ano

Há 2 meses

Tailândia anuncia que vai proibir uso recreativo da maconha
Mundo

Tailândia anuncia que vai proibir uso recreativo da maconha

Há 2 meses

White Lotus: saiba quanto custa se hospedar nos hotéis da 3ª temporada
Casual

White Lotus: saiba quanto custa se hospedar nos hotéis da 3ª temporada

Há 3 meses

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais