Acompanhe:

O ministro dos Transportes do Canadá, Pablo Rodriguez exigiu nesta sexta-feira que a Meta, dona do Facebook, Instagram e WhatsApp, suspenda a proibição de notícias canadenses em suas plataformas para permitir que as pessoas compartilhem informações sobre os grandes incêndios florestais que atingem o oeste do país.

Segundo a agência Reuters, o ministro afirmou que a proibição era "inaceitável".

Bloqueios da Meta

No início deste mês, a Meta começou a bloquear o acesso para todos os usuários do Canadá às notícias postadas no Facebook e no Instagram. O bloqueio foi anunciado em junho. A medida foi uma resposta a uma lei decretada pelo governo canadense que exige que as plataformas digitais paguem as editoras de jornais locais pela publicação de artigos e notícias

Depois que o governo do primeiro-ministro Justin Trudeau aprovou a lei, a Alphabet informou que também iria remover do Google, o seu mecanismo de busca, links para notícias de editoras canadenses.

Créditos

Últimas Notícias

Ver mais
Pela primeira vez desde início da guerra, Israel ataca posições do Hezbollah no Leste do Líbano
Mundo

Pela primeira vez desde início da guerra, Israel ataca posições do Hezbollah no Leste do Líbano

Há 13 horas

ONU tem 'preocupações crescentes' sobre capacidade do Irã de produzir arma atômica
Mundo

ONU tem 'preocupações crescentes' sobre capacidade do Irã de produzir arma atômica

Há 13 horas

Na China, BYD se compromete a desenvolver baterias mais seguras para E-Bikes após incêndio
Mundo

Na China, BYD se compromete a desenvolver baterias mais seguras para E-Bikes após incêndio

Há 13 horas

Judaísmo, cristianismo e Estado Laico: entenda divisões religiosas, étnicas e políticas de Israel
Mundo

Judaísmo, cristianismo e Estado Laico: entenda divisões religiosas, étnicas e políticas de Israel

Há 13 horas

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais