• AALR3 R$ 19,75 0.00
  • AAPL34 R$ 74,65 1.01
  • ABCB4 R$ 16,47 -0.42
  • ABEV3 R$ 14,75 1.44
  • AERI3 R$ 4,44 18.40
  • AESB3 R$ 10,73 0.85
  • AGRO3 R$ 31,86 -0.62
  • ALPA4 R$ 21,68 -0.55
  • ALSO3 R$ 19,94 1.27
  • ALUP11 R$ 26,32 0.27
  • AMAR3 R$ 2,40 7.62
  • AMBP3 R$ 29,41 -1.14
  • AMER3 R$ 23,70 2.82
  • AMZO34 R$ 73,23 1.29
  • ANIM3 R$ 5,56 3.35
  • ARZZ3 R$ 82,92 0.52
  • ASAI3 R$ 15,36 -0.78
  • AZUL4 R$ 21,17 2.37
  • B3SA3 R$ 11,30 -1.48
  • BBAS3 R$ 35,58 1.34
  • AALR3 R$ 19,75 0.00
  • AAPL34 R$ 74,65 1.01
  • ABCB4 R$ 16,47 -0.42
  • ABEV3 R$ 14,75 1.44
  • AERI3 R$ 4,44 18.40
  • AESB3 R$ 10,73 0.85
  • AGRO3 R$ 31,86 -0.62
  • ALPA4 R$ 21,68 -0.55
  • ALSO3 R$ 19,94 1.27
  • ALUP11 R$ 26,32 0.27
  • AMAR3 R$ 2,40 7.62
  • AMBP3 R$ 29,41 -1.14
  • AMER3 R$ 23,70 2.82
  • AMZO34 R$ 73,23 1.29
  • ANIM3 R$ 5,56 3.35
  • ARZZ3 R$ 82,92 0.52
  • ASAI3 R$ 15,36 -0.78
  • AZUL4 R$ 21,17 2.37
  • B3SA3 R$ 11,30 -1.48
  • BBAS3 R$ 35,58 1.34
Abra sua conta no BTG

As 10 marcas mais lembradas pelos brasileiros na pandemia da covid-19

Em levantamento da consultoria Croma, 4.000 entrevistados citaram as marcas mais relevantes na pandemia de covid-19 e as mudanças nos hábitos de consumo
 (Reuters/Paulo Whitaker)
(Reuters/Paulo Whitaker)
Por Marina FilippePublicado em 15/04/2020 07:05 | Última atualização em 15/04/2020 07:05Tempo de Leitura: 2 min de leitura

A pandemia da covid-19 mudou o hábito de consumo das pessoas e também as suas relações com as marcas.

Uma pesquisa da consultoria Croma com cerca de 4 mil entrevistados revelou que, para 42% deles a compra de alimentos passou a ter menos frequência, mas com maior quantidade de itens.

Alguns produtos também estão sendo consumidores mais intensamente. Entre eles, álcool gel e sabonetes (veja gráfico percentual).

(Infogram/Exame)

Prestadores de serviço financeiros e de streaming em vídeo e áudio também começaram a fazer mais parte da vida das pessoas, com crescimento de 48%, 74% e 43% respectivamente.

 

 

Apesar da presença, as marcas mais lembradas no período não necessariamente foram as que estão fazendo mais parte do dia a dia do consumidor, segundo o estudo da consultoria Croma.

"Em momentos de crise, a expectativa dos consumidores e cidadãos em relação às marcas é sempre a mesma: empatia", diz Edmar Bulla, fundador da Croma.

Desse modo, das 300 marcas que foram citadas pelos consumidores por suas boas atuações, 10 tiveram destaque. Sendo elas:

 

Ambev
 Ypê
Itaú
Natura
Boticário
Ifood
Magazine Luiza
Santander
Carrefour
Vivo

A maior parte das marcas mais lembradas estão promovendo grandes doações e produzindo insumos como álcool em gel.

"Humanizar as relações comerciais, evitar oportunismos, abusos de preço e demais iniciativas que possam sacudir a saúde de uma marca são regras básicas a serem cumpridas. Os vínculos emocionais tendem a ser construídos e terão reflexos no longo prazo", afirma Bulla.